Artigo 29 do Decreto Lei nº 5.452 de 01 de Maio de 1943

CLT - Decreto Lei nº 5.452 de 01 de Maio de 1943

Aprova a Consolidação das Leis do Trabalho.
Art. 29. O empregador terá o prazo de 5 (cinco) dias úteis para anotar na CTPS, em relação aos trabalhadores que admitir, a data de admissão, a remuneração e as condições especiais, se houver, facultada a adoção de sistema manual, mecânico ou eletrônico, conforme instruções a serem expedidas pelo Ministério da Economia. (Redação dada pela Lei nº 13.874, de 2019)
§ 1º As anotações concernentes à remuneração devem especificar o salário, qualquer que seja sua forma de pagamento, seja êle em dinheiro ou em utilidades, bem como a estimativa da gorjeta.
§ 2° As anotações na Carteira de Trabalho e Previdência Social serão feitas: (Redação dada pela Medida provisória nº 89, de 1989)
(Revogado)
a) na data-base; (Incluído pela Medida provisória nº 89, de 1989)
(Revogado)
b) a qualquer tempo, por solicitação do trabalhador; (Incluído pela Medida provisória nº 89, de 1989)
(Revogado)
c) no caso de rescisão contratual; ou (Incluído pela Medida provisória nº 89, de 1989)
(Revogado)
d) necessidade de comprovação perante a Previdência Social. (Incluído pela Medida provisória nº 89, de 1989)
(Revogado)
§ 2º - As anotações na Carteira de Trabalho e Previdência Social serão feitas: (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989)
a) na data-base; (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989)
b) a qualquer tempo, por solicitação do trabalhador; (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989)
c) no caso de rescisão contratual; ou (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989)
d) necessidade de comprovação perante a Previdência Social. (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989)
§ 3° A falta de cumprimento pelo empregador do disposto neste artigo acarretará a lavratura do auto de infração, pelo Fiscal do Trabalho, que deverá, de ofício, comunicar a falta de anotação ao órgão competente, para o fim de instaurar o processo de anotação (Redação dada pela Medida provisória nº 89, de 1989)
(Revogado)
§ 3º - A falta de cumprimento pelo empregador do disposto neste artigo acarretará a lavratura do auto de infração, pelo Fiscal do Trabalho, que deverá, de ofício, comunicar a falta de anotação ao órgão competente, para o fim de instaurar o processo de anotação. (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989)
(Revogado)
§ 3º A falta de cumprimento pelo empregador do disposto neste artigo acarretará a lavratura do auto de infração pelo Auditor Fiscal do Trabalho, que deverá, de ofício, lançar as anotações no sistema eletrônico competente, na forma a ser regulamentada pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. (Redação dada pela Medida Provisória nº 905, de 2019)
(Revogado pela Medida Provisória n. 955, de 2020)
(Revogado)
Vigência encerrada
§ 3º A falta de cumprimento pelo empregador do disposto neste artigo acarretará a lavratura do auto de infração pelo Auditor Fiscal do Trabalho, que deverá, de ofício, lançar as anotações no sistema eletrônico competente, na forma a ser regulamentada pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. (Redação dada pela Medida Provisória nº 905, de 2019)
(Revogado)
(Vigência encerrada)
§ 3º - A falta de cumprimento pelo empregador do disposto neste artigo acarretará a lavratura do auto de infração, pelo Fiscal do Trabalho, que deverá, de ofício, comunicar a falta de anotação ao órgão competente, para o fim de instaurar o processo de anotação. (Redação dada pela Lei nº 7.855, de 24.10.1989)
§ 4o É vedado ao empregador efetuar anotações desabonadoras à conduta do empregado em sua Carteira de Trabalho e Previdência Social. (Incluído pela Lei nº 10.270, de 29.8.2001)
§ 5o O descumprimento do disposto no § 4o deste artigo submeterá o empregador ao pagamento de multa prevista no art. 52 deste Capítulo. (Incluído pela Lei nº 10.270, de 29.8.2001)
(Revogado)
§ 5º O descumprimento do disposto no § 4º submeterá o empregador ao pagamento da multa a que se refere o inciso II do caput do art. 634-A. (Redação dada pela Medida Provisória nº 905, de 2019)
(Revogado pela Medida Provisória n. 955, de 2020) (Vigência encerrada)
§ 5º O descumprimento do disposto no § 4º submeterá o empregador ao pagamento da multa a que se refere o inciso II do caput do art. 634-A. (Redação dada pela Medida Provisória nº 905, de 2019)
(Revogado)
(Vigência encerrada)
§ 5o O descumprimento do disposto no § 4o deste artigo submeterá o empregador ao pagamento de multa prevista no art. 52 deste Capítulo. (Incluído pela Lei nº 10.270, de 29.8.2001)
§ 6º A comunicação pelo trabalhador do número de inscrição no CPF ao empregador equivale à apresentação da CTPS em meio digital, dispensado o empregador da emissão de recibo. (Incluído pela Lei nº 13.874, de 2019)
§ 7º Os registros eletrônicos gerados pelo empregador nos sistemas informatizados da CTPS em meio digital equivalem às anotações a que se refere esta Lei. (Incluído pela Lei nº 13.874, de 2019)
§ 8º O trabalhador deverá ter acesso às informações da sua CTPS no prazo de até 48 (quarenta e oito) horas a partir de sua anotação. (Incluído pela Lei nº 13.874, de 2019)
Art. 29-A. O empregador que infringir o disposto no caput e no § 1º do art. 29 ficará sujeito a multa no valor de R$ 3.000,00 (três mil reais) por empregado prejudicado, acrescido de igual valor em cada reincidência. (Incluído pela Medida Provisória nº 1,107, de 2022) (Produção de efeitos)
(Revogado)
§ 1º No caso de microempresa ou de empresa de pequeno porte, o valor final da multa aplicada será de R$ 800,00 (oitocentos reais) por empregado prejudicado. (Incluído pela Medida Provisória nº 1,107, de 2022) (Produção de efeitos)
(Revogado)
§ 2º A infração de que trata o caput constitui exceção ao critério da dupla visita. (Incluído pela Medida Provisória nº 1,107, de 2022) (Produção de efeitos)
(Revogado)
Art. 29-B. Na hipótese de não serem realizadas as anotações a que se refere o § 2º do art. 29, o empregador ficará sujeito a multa no valor de R$ 600,00 (seiscentos reais) por empregado prejudicado. (Incluído pela Medida Provisória nº 1,107, de 2022) (Produção de efeitos)
(Revogado)
Art. 29-A. O empregador que infringir o disposto no caput e no § 1º do art. 29 desta Consolidação ficará sujeito a multa no valor de R$ 3.000,00 (três mil reais) por empregado prejudicado, acrescido de igual valor em cada reincidência. (Incluído pela Lei nº 14.438, de 2022) Produção de efeitos
§ 1º No caso de microempresa ou de empresa de pequeno porte, o valor final da multa aplicada será de R$ 800,00 (oitocentos reais) por empregado prejudicado. (Incluído pela Lei nº 14.438, de 2022) Produção de efeitos
§ 2º A infração de que trata o caput deste artigo constitui exceção ao critério da dupla visita. (Incluído pela Lei nº 14.438, de 2022) Produção de efeitos
Art. 29-B. Na hipótese de não serem realizadas as anotações a que se refere o § 2º do art. 29 desta Consolidação, o empregador ficará sujeito a multa no valor de R$ 600,00 (seiscentos reais) por empregado prejudicado. (Incluído pela Lei nº 14.438, de 2022) Produção de efeitos

Andamento do Processo n. 0001526-59.2017.5.06.0019 - RRAg - 04/03/2024 do TST

Processo Nº RRAg-0001526-59.2017.5.06.0019 Complemento Processo Eletrônico Relator Desemb. Convocada Adriana Goulart de Sena Orsini Agravante e Recorrente TEATRO DE AMADORES DE PERNAMBUCO Advogado…

Andamento do Processo n. 0020263-73.2020.5.04.0371 - AIRR - 04/03/2024 do TST

Processo Nº AIRR-0020263-73.2020.5.04.0371 Complemento Processo Eletrônico Relator Min. Cláudio Mascarenhas Brandão Agravante DENISE CRISTINA DA COSTA Advogado Dr. Fabiana Justo Estanislau (OAB:…

Andamento do Processo n. 0001127-76.2012.5.19.0008 - RRAg - 04/03/2024 do TST

Processo Nº RRAg-0001127-76.2012.5.19.0008 Complemento Processo Eletrônico Relator Min. Alberto Bastos Balazeiro Agravante e Recorrido BANCO DO BRASIL S.A. Advogado Dr. Jailton Dantas de Oliveira…

Andamento do Processo n. 0010147-52.2021.5.03.0160 - RRAg - 04/03/2024 do TST

Processo Nº RRAg-0010147-52.2021.5.03.0160 Complemento Processo Eletrônico Relator Min. Alberto Bastos Balazeiro Agravante, Agravado e ELIANE SHIRLEY GONTIJO DE Recorrente MOURA Advogado Dr. Geraldo…

Andamento do Processo n. 0010119-08.2023.5.03.0098 - AIRR - 04/03/2024 do TST

Processo Nº AIRR-0010119-08.2023.5.03.0098 Relator JOSÉ ROBERTO FREIRE PIMENTA AGRAVANTE YARA GONCALVES SILVA ADVOGADO BRENO CASTRO VALADAO (OAB: 154340/MG) AGRAVADO MOURA ELETRONICOS E IMPORTACAO…

Andamento do Processo n. 0010119-08.2023.5.03.0098 - TST / AIRR - 04/03/2024 do TST

Processo Nº AIRR-0010119-08.2023.5.03.0098 Relator JOSÉ ROBERTO FREIRE PIMENTA AGRAVANTE YARA GONCALVES SILVA ADVOGADO BRENO CASTRO VALADAO (OAB: 154340/MG) AGRAVADO MOURA ELETRONICOS E IMPORTACAO…

Andamento do Processo n. 0010119-08.2023.5.03.0098 - AIRR - 04/03/2024 do TST

Processo Nº AIRR-0010119-08.2023.5.03.0098 Relator JOSÉ ROBERTO FREIRE PIMENTA AGRAVANTE YARA GONCALVES SILVA ADVOGADO BRENO CASTRO VALADAO (OAB: 154340/MG) AGRAVADO MOURA ELETRONICOS E IMPORTACAO…

Publicação do processo nº 0010211-96.2023.5.15.0115 - Disponibilizado em 04/03/2024 - TRT-15

Notificação Processo Nº ATOrd-0010211-96.2023.5.15.0115 AUTOR ANA MARIA RIBAMAR DE CARVALHO ADVOGADO SOLANGE DA SILVA CORREA(OAB: 290354/SP) RÉU MARCELO MORETTI TARIFA ADVOGADO DANIELA AGUILLAR…

Página 6282 da Judiciário do Tribunal Superior do Trabalho (TST) de 4 de Março de 2024

13.015/2014 1 - MULTA DO ART. 477, § 8.º, DA CLT. RESCISÃO INDIRETA DO CONTRATO DE TRABALHO. A multa prevista no dispositivo em comento é devida ao empregado quando o empregador deixa de cumprir o…
0
0

Página 6284 da Judiciário do Tribunal Superior do Trabalho (TST) de 4 de Março de 2024

Vara do Trabalho para que seja tomado o depoimento pessoal do Autor. Sem razão, contudo. De acordo com a intelecção do art. 852-D da CLT, o Juiz dirigirá o processo com liberdade, determinando as…
0
0