Artigo 16 do Decreto nº 5.123 de 01 de Julho de 2004

Decreto nº 5.123 de 01 de Julho de 2004

Regulamenta a Lei no 10.826, de 22 de dezembro de 2003, que dispõe sobre registro, posse e comercialização de armas de fogo e munição, sobre o Sistema Nacional de Armas - SINARM e define crimes.
Art. 16. O Certificado de Registro de Arma de Fogo expedido pela Polícia Federal, precedido de cadastro no SINARM, tem validade em todo o território nacional e autoriza o seu proprietário a manter a arma de fogo exclusivamente no interior de sua residência ou dependência desta, ou, ainda, no seu local de trabalho, desde que seja ele o titular ou o responsável legal pelo estabelecimento ou empresa. (Redação dada pelo Decreto nº 6.715, de 2008).
§ 1o Para os efeitos do disposto no caput deste artigo considerar-se-á titular do estabelecimento ou empresa todo aquele assim definido em contrato social, e responsável legal o designado em contrato individual de trabalho, com poderes de gerência.
§ 2o Os requisitos de que tratam os incisos IV, V, VI e VII do art. 12 deste Decreto deverão ser comprovados, periodicamente, a cada três anos, junto à Polícia Federal, para fins de renovação do Certificado de Registro.
(Revogado)
§ 2 º Os requisitos de que tratam os incisos IV, V e VII do art. 12 deverão ser comprovados, periodicamente, a cada cinco anos, junto à Polícia Federal, para fins de renovação do Certificado de Registro. (Redação dada pelo Decreto nº 8.935, de 2016)
(Revogado)
§ 2º Os requisitos de que tratam os incisos IV, V, VI e VII do caput do art. 12 deverão ser comprovados, periodicamente, a cada dez anos, junto à Polícia Federal, para fins de renovação do Certificado de Registro. (Redação dada pelo Decreto nº 9.685, de 2019)
§ 2 º -A. O requisito de que trata o inciso VI do art. 12 deverá ser comprovado, periodicamente, a cada duas renovações, junto à Polícia Federal. (Incluído pelo Decreto nº 8.935, de 2016)
(Revogado pelo Decreto nº 9.685, de 2019)
§ 3 º O requisito de que trata o inciso IV do caput do art. 12 deste Decreto deverá ser comprovado pelos sócios proprietários e diretores, periodicamente, a cada três anos, junto à Polícia Federal, para fins de renovação do certificado de registro de arma de fogo das empresas de segurança privada e de transporte de valores. (Incluído pelo Decreto nº 6.146, de 2007)
(Revogado pelo Decreto nº 6.715, de 2008).
§ 4o O disposto no § 2o não se aplica, para a aquisição e renovação do Certificado de Registro de Arma de Fogo, aos integrantes dos órgãos, instituições e corporações, mencionados nos incisos I e II do caput do art. 6o da Lei no 10.826, de 2003.
(Revogado)
(Incluído pelo Decreto nº 6.715, de 2008).
(Revogado)
§ 4º O disposto nos § 2º e § 2º-A não se aplica, para a aquisição e a renovação do Certificado de Registro de Arma de Fogo, aos integrantes dos órgãos, das instituições e das corporações, mencionados nos incisos I e II do caput do art. 6º da Lei nº 10.826, de 2003. (Redação dada pelo Decreto nº 8.935, de 2016)

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Apelação Criminal : APR 0004683-50.2018.8.24.0020 Criciúma 0004683-50.2018.8.24.0020

com determinações legais (arts. 3º e 5º da Lei 10.826/2003) e regulamentares (arts. 14 e 16 do Decreto 5.123 /2004, vigente à.... CRIME DE POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO DE USO RESTRITO COM NUMERAÇÃO …

Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul TJ-MS - Embargos de Declaração Cível : EMBDECCV 0802059-34.2018.8.12.0018 MS 0802059-34.2018.8.12.0018

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul 10 de março de 2020 2ª Câmara Cível Embargos de Declaração Cível - Nº 0802059-34.2018.8.12.0018/50000 - Paranaíba Relator designado – Exmo. Sr.

Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul TJ-MS - Embargos de Declaração Cível : EMBDECCV 0802734-94.2018.8.12.0018 MS 0802734-94.2018.8.12.0018

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul 10 de março de 2020 2ª Câmara Cível Embargos de Declaração Cível - Nº 0802734-94.2018.8.12.0018/50000 - Paranaíba Relator designado – Exmo. Sr.

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL : REsp 1848606 PE 2019/0344906-3

seja inferior a 03 (três) anos e respeite o limite máximo de 05 (cinco) anos. 8. A norma do art. 16, § 2º do Decreto 5.123.... A interpretação conjunta dos arts. 23, inciso II e 46 do Decreto

Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul TJ-MS - Apelação : APL 0802806-81.2018.8.12.0018 MS 0802806-81.2018.8.12.0018

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul 2ª Câmara Cível Apelação / Remessa Necessária - Nº 0802806-81.2018.8.12.0018 - Paranaíba Relator designado – Exmo. Sr. Des. Julizar Barbosa…

Página 2205 do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de 11 de Março de 2020

para porte de arma de foto de uso permitido. 5. A interpretação conjunta dos arts. 23, inciso II e 46 do Decreto nº 5.123/2004, que regulamenta a Lei nº 10.826/2003, demonstra que a eficácia temporal…

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Apelação Criminal : APR 0003935-72.2019.8.24.0023 Capital 0003935-72.2019.8.24.0023

ESTADO DE SANTA CATARINA TRIBUNAL DE JUSTIÇA Apelação Criminal n. 0003935-72.2019.8.24.0023, da Capital Relator: Des. Luiz Cesar Schweitzer APELAÇAO CRIMINAL. CRIMES CONTRA A SAÚDE E A INCOLUMIDADE…

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL : REsp 1856502 SE 2020/0004549-8

. O Decreto 5.123 /2004, que regulamenta a Lei 10.826 /2003, é expresso, ao consignar, no art. 33, que o direito ao porte... anos, no caso de renovação de registro, a teor do disposto no art. 1…

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Apelação Criminal : APR 0005122-60.2017.8.24.0064 São José 0005122-60.2017.8.24.0064

Apelação Criminal n. 0005122-60.2017.8.24.0064, de São José Relator: Des. Sérgio Rizelo APELAÇAO CRIMINAL. PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO (LEI 10.826/03, ART. 14, CAPUT ). SENTENÇA CONDENATÓRIA.

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Apelação Criminal : APR 0002895-72.2017.8.24.0040 Laguna 0002895-72.2017.8.24.0040

ESTADO DE SANTA CATARINA TRIBUNAL DE JUSTIÇA Apelação Criminal n. 0002895-72.2017.8.24.0040, de Laguna Relator: Des. Luiz Cesar Schweitzer APELAÇÕES CRIMINAIS. CRIMES CONTRA A INCOLUMIDADE E A SAÚDE…

Termo ou Assunto relacionado