Artigo 18 da Lei nº 10.522 de 19 de Julho de 2002

Lei nº 10.522 de 19 de Julho de 2002

Dispõe sobre o Cadastro Informativo dos créditos não quitados de órgãos e entidades federais e dá outras providências.
Art. 18. Ficam dispensados a constituição de créditos da Fazenda Nacional, a inscrição como Dívida Ativa da União, o ajuizamento da respectiva execução fiscal, bem assim cancelados o lançamento e a inscrição, relativamente:
I - à contribuição de que trata a Lei no 7.689, de 15 de dezembro de 1988, incidente sobre o resultado apurado no período-base encerrado em 31 de dezembro de 1988;
II - ao empréstimo compulsório instituído pelo Decreto-Lei no 2.288, de 23 de julho de 1986, sobre a aquisição de veículos automotores e de combustível;
III - à contribuição ao Fundo de Investimento Social – Finsocial, exigida das empresas exclusivamente vendedoras de mercadorias e mistas, com fundamento no art. 9o da Lei no 7.689, de 1988, na alíquota superior a 0,5% (cinco décimos por cento), conforme Leis nos 7.787, de 30 de junho de 1989, 7.894, de 24 de novembro de 1989, e 8.147, de 28 de dezembro de 1990, acrescida do adicional de 0,1% (um décimo por cento) sobre os fatos geradores relativos ao exercício de 1988, nos termos do art. 22 do Decreto-Lei no 2.397, de 21 de dezembro de 1987;
IV - ao imposto provisório sobre a movimentação ou a transmissão de valores e de créditos e direitos de natureza financeira – IPMF, instituído pela Lei Complementar no 77, de 13 de julho de 1993, relativo ao ano-base 1993, e às imunidades previstas no art. 150, inciso VI, alíneas "a", "b", "c" e "d", da Constituição;
V - à taxa de licenciamento de importação, exigida nos termos do art. 10 da Lei no 2.145, de 29 de dezembro de 1953, com a redação da Lei no 7.690, de 15 de dezembro de 1988;
VI - à sobretarifa ao Fundo Nacional de Telecomunicações;
VII – ao adicional de tarifa portuária, salvo em se tratando de operações de importação e exportação de mercadorias quando objeto de comércio de navegação de longo curso;
VIII - à parcela da contribuição ao Programa de Integração Social exigida na forma do Decreto-Lei no 2.445, de 29 de junho de 1988, e do Decreto-Lei no 2.449, de 21 de julho de 1988, na parte que exceda o valor devido com fulcro na Lei Complementar no 7, de 7 de setembro de 1970, e alterações posteriores;
IX - à contribuição para o financiamento da seguridade social – Cofins, nos termos do art. 7o da Lei Complementar no 70, de 30 de dezembro de 1991, com a redação dada pelo art. 1o da Lei Complementar no 85, de 15 de fevereiro de 1996.
X – à Cota de Contribuição revigorada pelo art. 2o do Decreto-Lei no 2.295, de 21 de novembro de 1986. (Incluído pela Lei nº 11.051, de 2004)
§ 1o Ficam cancelados os débitos inscritos em Dívida Ativa da União, de valor consolidado igual ou inferior a R$ 100,00 (cem reais).
§ 2o Os autos das execuções fiscais dos débitos de que trata este artigo serão arquivados mediante despacho do juiz, ciente o Procurador da Fazenda Nacional, salvo a existência de valor remanescente relativo a débitos legalmente exigíveis.
§ 3o O disposto neste artigo não implicará restituição ex officio de quantia paga.
Art. 18-A. Comitê formado por integrantes do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, da Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil do Ministério da Economia e da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional editará enunciados de súmula da administração tributária federal, observado o disposto em ato do Ministro de Estado da Economia, que deverão ser observados nos atos administrativos, normativos e decisórios praticados pelos referidos órgãos. (Incluído pelo Medida Provisória nº 881, de 2019)
(Revogado)
Art. 18-A. Comitê formado de integrantes do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, da Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil do Ministério da Economia e da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional editará enunciados de súmula da administração tributária federal, conforme o disposto em ato do Ministro de Estado da Economia, que deverão ser observados nos atos administrativos, normativos e decisórios praticados pelos referidos órgãos. (Incluído pela Lei nº 13.874, de 2019)

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Agravo de Instrumento-Cv : AI 10024093161917001 MG

na lei expurgada do ordenamento jurídico, o que, inclusive, encontra-se, atualmente, preceituado nos artigos 18 e 19, da Lei... 10.522/2002, verbis: "Art. 18. Ficam dispensados a constituição de …

Andamento do Processo n. 0005422-03.2005.8.05.0248 - Execução Fiscal - 10/07/2020 do TJBA

que o ente de federal delimita, no § 1º do art. 18 da Lei 10.522: “o não ajuizamento de execuções fiscais de débitos... da ausência de interesse processual, nos termos do art. 485, VI, do Código …

Página 293 da Judicial I - TRF do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3) de 10 de Julho de 2020

), reconhecer a procedência do pedido nas hipóteses do art. 18 e do art. 19 dessa mesma Leinº 10.522/2002. Essa é a orientação... do art. 19 da Lei n. 10.522/2002, que foi dada pela Lei n. …

Página 294 da Judicial I - TRF do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3) de 10 de Julho de 2020

, ou seja, sob a égide da nova disposição do art. 19, §1º da Lei 10.522/2002 (dada pela Lei 12.844/2013), de modo..., reconhecer a procedência do pedido nas hipóteses dos arts. 18 e 19 da Lei n. 1…

Página 721 da Judicial I - Capital SP do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3) de 10 de Julho de 2020

-se que o débito remanescente é diminuto, considerando o contido no artigo 18 da Lei n. 10.522/2002 e na Portaria n. 75/2012.... São Paulo, 8 de julho de 2020 EMBARGOS À EXECUÇÃO FISCAL(1118)

Andamento do Processo n. 5019409-66.2019.4.03.6182 - Execução Fiscal - 09/07/2020 do TRF-3

das custas incidentes, considerando o artigo 18 da Lei 10.522/2002 e a Portaria 75/2012 do Ministro da Fazenda, é...Andamento do Processo n. 5019409-66.2019.4.03.6182 - Execução Fiscal - …

Página 965 da Judicial I - Interior SP e MS do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3) de 9 de Julho de 2020

, e do artigo 18, § 1º, da Lei n.º 10.522/2002. Determinoolevantamentodeeventuaisconstriçõeseorecolhimentodemandadosporventuraexpedidos...., da Lei n.º 10.522/2002. Determino o levantamento de …

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF : 00051398220158070018 DF 0005139-82.2015.8.07.0018

Ag 632.184/RJ, Terceira Turma, Rel. Min. Nancy Andrighi, DJe de 2/10/2006. 3. "O art. 18, X, da Lei n. 10.522/02... INICIAL. VIGÊNCIA DA LEI N. 10.522/02. 1. Nos termos do que dispõe o artigo 1.022 …

Tribunal Regional Federal da 4ª Região TRF-4 - APELAÇÃO CIVEL : AC 50040722520174047105 RS 5004072-25.2017.4.04.7105

matérias arroladas nos arts. 18 e 19 da Lei 10.522/02. Inaplicáveis à espécie, portanto, as disposições do art. 19... for integral no momento da contestação, nos termos do artigo 19 da Lei 10.…

Tribunal Regional Federal da 4ª Região TRF-4 - APELAÇÃO CIVEL : AC 5004072-25.2017.4.04.7105 RS 5004072-25.2017.4.04.7105

de matéria relativa às matérias arroladas nos arts. 18 e 19 da Lei 10.522/02. Inaplicáveis à espécie..., portanto, as disposições do art. 19 da Lei 10.522/2002, alterado pela Lei 12.844/2013, …

Termo ou Assunto relacionado