Parágrafo 1 Artigo 9 do Decreto Lei nº 406 de 31 de Dezembro de 1968

Decreto Lei nº 406 de 31 de Dezembro de 1968

Estabelece normas gerais de direito financeiro, aplicáveis aos impostos sôbre operações relativas à circulação de mercadorias e sôbre serviços de qualquer natureza, e dá outras providências.
Art 9º A base de cálculo do impôsto é o preço do serviço.
§ 1º Quando se tratar de prestação de serviços sob a forma de trabalho pessoal do próprio contribuinte, o impôsto será calculado, por meio de alíquotas fixas ou variáveis, em função da natureza do serviço ou de outros fatores pertinentes, nestes não compreendida a importância paga a título de remuneração do próprio trabalho.

Jurisprudência em Teses: O guia do STJ para serviços de registros públicos, cartorários e notariais

Caro leitor, É com grande entusiasmo que trago até você as mais recentes e impactantes teses do Superior Tribunal de Justiça relacionadas a registros públicos cartorários e notariais. Essa área do…
2
0

Tributário: É possível a adequação de ISS fixo para sociedades uniprofissionais?

O QUE SÃO SOCIEDADES UNIPROFISSIONAIS?  As sociedades uniprofissionais são aquelas cujos profissionais são habilitados ao exercício da mesma atividade e prestem serviços de forma pessoal, em nome da…
2
0

Análise sobre a alíquota fixa do ISSQN - Facilidade aos contribuintes

O ISS, imposto sobre serviço de qualquer natureza, é instituído pelos municípios e tem como base de cálculo o preço do serviço prestado. O ISS, a depender da Legislação municipal de cada ente, deve…
1
0
Camila Ponciano, Advogado
há 2 anos

Planejamento tributário para clínicas: a concessão do benefício da tributação privilegiada do ISS começa pelo contrato social

Recentemente o TJRS julgou improcedente pedido feito por clínica médica para pagamento de tributação privilegiada de ISSQN fundada em entendimentos do próprio Superior Tribunal de Justiça. De acordo…
1
0
Victor Vaz, Advogado
há 2 anos

ISS e o desenquadramento arbitrário de sociedades uniprofissionais

O Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza – ISSQN, é um tributo de competência Municipal, conforme determina a Constituição Federal em seu art. 156, inciso III. Seu fato gerador é: “a prestação…
2
0

O Iss Cobrado dos Advogados e de suas Sociedades

De vez em vez, esse assunto volta à baila quando a ganância arrecadatória municipal é despertada, aliás ela nunca dorme. Enfim, tal qual o urso pós hibernado, algumas prefeituras saem em busca de…
2
0
Sandro Barbosa, Advogado
há 2 anos

A base de cálculo do ISSQN incidente sobre os serviços de registros públicos, cartórios e notariais

Sumário: Introdução; 1) A incidência do ISSQN nos serviços de registros públicos, cartorários e notariais; 1.1) A incidência do ISS nos de registros públicos, cartorários e notariais para o direito…
3
0

Profissionais autônomos Paulistanos: Protejam-se do aumento do ISS

No próximo dia 24 de fevereiro, todos os profissionais autônomos , prestadores de serviço da cidade de São Paulo , inclusive médicos, dentistas, fisioterapeutas e suas respectivas clínicas, passarão…
6
0
Rafael J Rocha, Advogado
há 3 anos

ISS fixo a Sociedades uniprofissionais e aos profissionais liberais.

Por Rafael J Rocha OAB/MG 193.958 O ISS é um imposto devido ao município pelo prestador de serviços e regra geral, a base de cálculo deste imposto é o preço da prestação de serviço aplicada à…
3
0

A inexigibilidade do ISS sobre os contratos de prestação de serviços mantidos pelas cooperativas de trabalho da área da saúde.

Tendo em vista a crise financeira que assola os municípios, muitas prefeituras começam a se movimentar para tentar tributar as empresas e os cidadãos na tentativa de aumentar a arrecadação em áreas e…
2
0