Artigo 9 do Decreto Lei nº 406 de 31 de Dezembro de 1968

Decreto Lei nº 406 de 31 de Dezembro de 1968

Estabelece normas gerais de direito financeiro, aplicáveis aos impostos sôbre operações relativas à circulação de mercadorias e sôbre serviços de qualquer natureza, e dá outras providências.
Art 9º A base de cálculo do impôsto é o preço do serviço.
§ 1º Quando se tratar de prestação de serviços sob a forma de trabalho pessoal do próprio contribuinte, o impôsto será calculado, por meio de alíquotas fixas ou variáveis, em função da natureza do serviço ou de outros fatores pertinentes, nestes não compreendida a importância paga a título de remuneração do próprio trabalho.
§ 2º Na execução de obras hidráulicas ou de construção civil o impôsto será calculado sôbre o preço deduzido das parcelas correspondentes:
(Revogado)
a) ao valor dos materiais adquiridos de terceiros, quando fornecidos pelo prestador de serviços;
(Revogado)
b) ao valor das subempreitadas já tributadas pelo impôsto.
(Revogado)
§ 2º Na prestação dos serviços a que se referem os itens 19 e 20 da lista anexa o impôsto será calculado sôbre o preço deduzido das parcelas correspondentes: (Redação dada pelo Decreto-Lei nº 834, de 1969)
a) ao valor dos materiais fornecidos pelo prestador dos serviços; (Redação dada pelo Decreto-Lei nº 834, de 1969)
b) ao valor das subempreitadas já tributadas pelo impôsto. (Redação dada pelo Decreto-Lei nº 834, de 1969)
3º. Quando os serviços a que se referem os itens I, III IV (apenas os agentes da propriedade industrial), V e VII da lista anexa forem prestados por sociedades estas ficarão sujeitas ao impôsto na forma do § 1º, calculado em relação a cada profissional habilitado, sócio, empregado ou não, que preste serviços em nome da sociedade embora assumindo responsabilidade pessoal, nos têrmos da lei aplicável.
(Revogado)
§ 3º Quando os serviços a que se referem os itens 1, 2, 3, 5, 6, 11, 12 e 17 da lista anexa forem prestados por sociedades, estas ficarão sujeitas ao impôsto na forma do § 1º, calculado em relação a cada profissional habilitado, sócio, empregado ou não, que preste serviço em nome da sociedade, embora assumindo responsabilidade pessoal, nos têrmos da lei aplicavél. (Redação dada pelo Decreto-Lei nº 834, de 1969)
(Revogado)
§ 3º Quando os serviços a que se referem os itens 1, 4, 8, 25, 52, 88, 89, 90, 91 e 92 da lista anexa forem prestados por sociedades, estas ficarão sujeitas ao imposto na forma do § 1º, calculado em relação a cada profissional habilitado, sócio, empregado ou não, que preste serviços em nome da sociedade, embora assumindo responsabilidade pessoal, nos termos da lei aplicável. (Redação dada pela Lei Complementar nº 56, de 1987)
§ 4o Na prestação do serviço a que se refere o item 101 da Lista Anexa, o imposto é calculado sobre a parcela do preço correspondente à proporção direta daela da extensão da rodovia explorada, no território do Município, ou da metade da extensão de ponte que una dois Municípios. (Incluído pela Lei Complementar nº 100, de 1999)
§ 5o A base de cálculo apurado nos termos do parágrafo anterior:(Incluído pela Lei Complementar nº 100, de 1999)
I - é reduzida, nos Municípios onde não haja posto de cobrança de pedágio, para sessenta por cento de seu valor; (Incluído pela Lei complementar nº 100, de 1999)
II - é acrescida, nos Municípios onde haja posto de cobrança de pedágio, do complemento necessário à sua integralidade em relação à rodovia explorada.(Incluído pela Lei complementar nº 100, de 1999)
§ 6o Para efeitos do disposto nos §§ 4o e 5o, considera-se rodovia explorada o trecho limitado pelos pontos eqüidistantes entre cada posto de cobrança de pedágio ou entre o mais próximo deles e o ponto inicial ou terminal da rodovia.(Incluído pela Lei Complementar nº 100, de 1999)

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF : 0712906-91.2019.8.07.0018 DF 0712906-91.2019.8.07.0018

. ENQUADRAMENTO DA ATIVIDADE DOS TITULARES DE CARTÓRIO NO REGIME ESPECIAL DO ART. 9º, § 1º, DO DECRETO-LEI 406/68... em Dívida Ativa e a excluí-la do regime jurídico diferenciado instituído pela L…

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Embargos de Declaração Cível : EMBDECCV 1003816-89.2018.8.26.0309 SP 1003816-89.2018.8.26.0309

da jurisprudência desta Suprema Corte, porque, sem contrariar a premissa de que o art. 9º, § 2º, “a”, do DL 406/1968 foi... Registro: 2020.0000870170 ACÓRDAO Vistos, relatados e discutidos estes …

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Embargos de Declaração Cível : EMBDECCV 1001918-74.2019.8.26.0222 SP 1001918-74.2019.8.26.0222

exigidos pelo § 3º do art. 9º do Decreto-Lei 406/1968, também não se verifica obscuridade, pois da leitura... de tributação previsto no art. 9º, § 3º, do Decreto-Lei 406/68 - Recurso …

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Apelação Cível : AC 1000811-78.2016.8.26.0390 SP 1000811-78.2016.8.26.0390

de serviço de construção civil, quando da vigência do artigo 9º, § 2º, do Decreto-lei 406/68, cuja redação não sofreu... dos serviços e o das subempreitadas. “Ao tempo do Decreto-lei 406/68, na …

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Agravo de Instrumento : AI 2201893-13.2020.8.26.0000 SP 2201893-13.2020.8.26.0000

-Lei 406/68 - Insurgência contra decisão denegatória de antecipação de tutela – Clínica médica composta por dois... visando o reenquadramento da autora no regime especial de recolhimento de ISS …

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Embargos de Declaração Cível : EMBDECCV 1001918-74.2019.8.26.0222 SP 1001918-74.2019.8.26.0222

execução fiscal - Pretendido enquadramento no regime especial de tributação previsto no art. 9º, § 3º, do Decreto-Lei 406/68...

Página 138 do Diário de Justiça do Estado do Pará (DJPA) de 23 de Outubro de 2020

o artigo 9º , § 1º , do Decreto Lei 406 /1968 à atividade dos notários e registradores, pois se trata de trabalho... ser mais adequada a aplicação do referido Decreto Lei. Aduz que os …

Página 139 do Diário de Justiça do Estado do Pará (DJPA) de 23 de Outubro de 2020

Lei 406 /1968 aos serviços de registros públicos, cartorários e notariais. Nesse mesmo sentido é o posicionamento..., contrariam a jurisprudência pacífica do Superior Tribunal de Justiça quanto …

Andamento do Processo n. 5246804-41.2019.8.09.0138 - Reexame Necessário - 22/10/2020 do TJGO

impetrante, aqui apelada. De início, impende destacar que, nos termos do artigo 9º, § 3º, do Decreto-Lei 406/1968... e funcionários”. Informou que “enquadra-se no sistema de tributação fixa, …

Página 295 da Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte III do Diário de Justiça do Estado de São Paulo (DJSP) de 22 de Outubro de 2020

da embargante ao recolhimento do ISSQN na forma fixa, com observância da regra do art. 9º, §§ 1 º e 3º, do Decreto-lei 406... do art. 1º-F da Lei 9.494/97, redação dada pela Lei 11.960/09 …