Art. 31 Emenda Constitucional 19/98

Emenda Constitucional nº 19 de 04 de Junho de 1998

Modifica o regime e dispõe sobre princípios e normas da Administração Pública, servidores e agentes políticos, controle de despesas e finanças públicas e custeio de atividades a cargo do Distrito Federal, e dá outras providências.
Art. 31. A pessoa que revestiu a condição de servidor público federal da administração direta, autárquica ou fundacional, de servidor municipal ou de integrante da carreira de policial, civil ou militar, dos ex-Territórios Federais do Amapá e de Roraima e que, comprovadamente, encontrava-se no exercício de suas funções, prestando serviço à administração pública dos ex-Territórios ou de prefeituras neles localizadas, na data em que foram transformados em Estado, ou a condição de servidor ou de policial, civil ou militar, admitido pelos Estados do Amapá e de Roraima, entre a data de sua transformação em Estado e outubro de 1993, bem como a pessoa que comprove ter mantido, nesse período, relação ou vínculo funcional, de caráter efetivo ou não, ou relação ou vínculo empregatício, estatutário ou de trabalho com a administração pública dos ex-Territórios, dos Estados ou das prefeituras neles localizadas ou com empresa pública ou sociedade de economia mista que haja sido constituída pelo ex-Território ou pela União para atuar no âmbito do ex-Território Federal, inclusive as extintas, poderão integrar, mediante opção, quadro em extinção da administração pública federal. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)
§ 1º Os servidores da carreira policial militar continuarão prestando serviços aos respectivos Estados, na condição de cedidos, submetidos às disposições legais e regulamentares a que estão sujeitas as corporações das respectivas Polícias Militares, observadas as atribuições de função compatíveis com seu grau hierárquico.
(Revogado)
§ 1º O enquadramento referido no caput para os servidores ou para os policiais militares admitidos regularmente entre a transformação e a instalação dos Estados em outubro de 1993 deverá dar-se no cargo em que foram originariamente admitidos ou em cargo equivalente. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 79, de 2014)
(Revogado)
§ 1º O enquadramento referido no caput deste artigo, para os servidores, para os policiais, civis ou militares, e para as pessoas que tenham revestido essa condição, entre a transformação e a instalação dos Estados em outubro de 1993, dar-se-á no cargo em que foram originariamente admitidos ou em cargo equivalente. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)
§ 2º Os servidores civis continuarão prestando serviços aos respectivos Estados, na condição de cedidos, até seu aproveitamento em órgão da administração federal.
(Revogado)
§ 2º Os integrantes da carreira policial militar a que se refere o caput continuarão prestando serviços aos respectivos Estados, na condição de cedidos, submetidos às disposições estatutárias a que estão sujeitas as corporações das respectivas Polícias Militares, observados as atribuições de função compatíveis com seu grau hierárquico e o direito às devidas promoções. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 79, de 2014)
§ 3º Os servidores a que se refere o caput continuarão prestando serviços aos respectivos Estados e a seus Municípios, na condição de cedidos, até seu aproveitamento em órgão ou entidade da administração federal direta, autárquica ou fundacional. (Incluído pela Emenda Constitucional nº 79, de 2014)
(Revogado)
§ 3º As pessoas a que se referem este artigo prestarão serviços aos respectivos Estados ou a seus Municípios, na condição de servidores cedidos, sem ônus para o cessionário, até seu aproveitamento em órgão ou entidade da administração federal direta, autárquica ou fundacional, podendo os Estados, por conta e delegação da União, adotar os procedimentos necessários à cessão de servidores a seus Municípios. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)
§ 4º Para fins do disposto no caput deste artigo, são meios probatórios de relação ou vínculo funcional, empregatício, estatutário ou de trabalho, independentemente da existência de vínculo atual, além dos admitidos em lei: (Incluído pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)
I - o contrato, o convênio, o ajuste ou o ato administrativo por meio do qual a pessoa tenha revestido a condição de profissional, empregado, servidor público, prestador de serviço ou trabalhador e tenha atuado ou desenvolvido atividade laboral diretamente com o ex-Território, o Estado ou a prefeitura neles localizada, inclusive mediante a interveniência de cooperativa; (Incluído pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)
II - a retribuição, a remuneração ou o pagamento documentado ou formalizado, à época, mediante depósito em conta-corrente bancária ou emissão de ordem de pagamento, de recibo, de nota de empenho ou de ordem bancária em que se identifique a administração pública do ex-Território, do Estado ou de prefeitura neles localizada como fonte pagadora ou origem direta dos recursos, assim como aquele realizado à conta de recursos oriundos de fundo de participação ou de fundo especial, inclusive em proveito do pessoal integrante das tabelas especiais. (Incluído pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)
§ 5º Além dos meios probatórios de que trata o § 4º deste artigo, sem prejuízo daqueles admitidos em lei, o enquadramento referido no caput deste artigo dependerá de a pessoa ter mantido relação ou vínculo funcional, empregatício, estatutário ou de trabalho com o ex-Território ou o Estado que o tenha sucedido por, pelo menos, noventa dias. (Incluído pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)
§ 6º As pessoas a que se referem este artigo, para efeito de exercício em órgão ou entidade da administração pública estadual ou municipal dos Estados do Amapá e de Roraima, farão jus à percepção de todas as gratificações e dos demais valores que componham a estrutura remuneratória dos cargos em que tenham sido enquadradas, vedando-se reduzi-los ou suprimi-los por motivo de cessão ao Estado ou a seu Município. (Incluído pela Emenda Constitucional nº 98, de 2017)

Página 18 da Seção 2 do Diário Oficial da União (DOU) de 11 de Outubro de 2019

, da Lei 10.486 , de 04 de julho de 2002, e com o que prescreve o § 1º , do art. 31 , da Emenda Constitucional 19... com o que prescreve o art. 31 (Redação dada pela Emenda Constitucional 98

Página 17 da Seção 2 do Diário Oficial da União (DOU) de 7 de Outubro de 2019

Estadual; e de conformidade com o que prescreve o art. 31 (Redação dada pela Emenda Constitucional 98, de 2017),§2 º... (Redação dada pela Emenda Constitucional 79, de 2014), da Emenda Constit…

Página 23 da Seção 2 do Diário Oficial da União (DOU) de 1 de Outubro de 2019

TEN PM, amparado pelo art.31, da Emenda Constitucional 19, de 04 de junho de 1998, com fundamento no art. 42, § 1º... sobre o soldo de MAJ PM, amparado pelo art.31, da Emenda Constitucional 19

Página 24 da Seção 2 do Diário Oficial da União (DOU) de 30 de Setembro de 2019

da Constituição Estadual; e de conformidade com o que prescreve o art. 31 (Redação dada pela Emenda Constitucional 98...; e de conformidade com o que prescreve o art. 31 (Redação dada pela Emenda

Página 13 da Seção 2 do Diário Oficial da União (DOU) de 27 de Setembro de 2019

inatividade sobre o soldo de 2º TEN PM, amparado pelo art. 31 , da Emenda Constitucional 19 , de 04 de junho de 1998... inatividade sobre o soldo de CEL PM, amparado pelo art. 31 , da Emenda Cons…

Andamento do Processo n. 0000234-19.2006.4.01.3100 - Apelação Cível - 26/09/2019 do TRF-1

o disposto no Art. 31, caput, da Emenda Constitucional 19, de 1998, segundo o qual a responsabilidade da União restringe... Constitucional 19, art. 31)”. (TRF1, AC 0031539-53.1999.4.01.0000/RR; …

Página 3965 da Caderno Judicial - TRF1 do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) de 26 de Setembro de 2019

o disposto no Art. 31, caput, da Emenda Constitucional 19, de 1998, segundo o qual a responsabilidade da União restringe.... RESPONSABILIDADE DO ESTADO DO AMAPÁ PELO PAGAMENTO DE “DIFERENÇAS …

Página 3966 da Caderno Judicial - TRF1 do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) de 26 de Setembro de 2019

, de diferenças remuneratórias.’ (Emenda Constitucional 19, art. 31)”. (TRF1, AC 0031539-53.1999.4.01.0000/RR; AC... do Estado do Amapá pelo pagamento de “diferenças remuneratórias”. EC 19, de 199…

Andamento do Processo n. 2.499 - Ação Rescisória - 23/09/2019 do STF

(suposta violação do art. 31 da Emenda Constitucional 19/98 ) e o conteúdo do julgado proferido no acórdão rescindendo... da segurança impetrada incorreu em violação literal a dispositivo de norma c…

Andamento do Processo n. 2.514 - Ação Rescisória - 23/09/2019 do STF

o que interessa é o comando expresso da norma constitucional, insculpido no artigo 31 da Emenda Constitucional 19/1998... constitucional, insculpido no artigo 31 da Emenda Constitucional 19/19…
Termo/Assunto relacionado