Art. 32, § 4 da Lei de Licitações - Lei 8666/93

Lei nº 8.666 de 21 de Junho de 1993

Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências.
Art. 32. Os documentos necessários à habilitação poderão ser apresentados em original, por qualquer processo de cópia autenticada por cartório competente ou por servidor da administração ou publicação em órgão da imprensa oficial. (Redação dada pela Lei nº 8.883, de 1994)
§ 4o As empresas estrangeiras que não funcionem no País, tanto quanto possível, atenderão, nas licitações internacionais, às exigências dos parágrafos anteriores mediante documentos equivalentes, autenticados pelos respectivos consulados e traduzidos por tradutor juramentado, devendo ter representação legal no Brasil com poderes expressos para receber citação e responder administrativa ou judicialmente.

A participação de empresas estrangeiras em compras públicas

A participação de empresas estrangeiras em compras públicas é assunto que frequentemente gera dúvidas mesmo em operadores experientes, na medida em que existe uma ideia comum de que somente em…

Direito Concorrencial

A licitação é um processo de natureza administrativa que visa escolher, através de critérios predefinidos e objetivos, o candidato mais apto a contrair um contrato de serviços com a administração…
há 3 anos

Noções Introdutórias sobre o Procedimento de Concorrência no Âmbito da Lei 8.666/93

Concorrência é a modalidade de licitação própria para contratos de grande valor, em que se admite a participação de quais interessados, cadastrados ou não, que satisfaçam as condições do edital,…