Inciso II do Artigo 17 da Lei nº 8.666 de 21 de Junho de 1993

Lei nº 8.666 de 21 de Junho de 1993

Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências.
Art. 17. A alienação de bens da Administração Pública, subordinada à existência de interesse público devidamente justificado, será precedida de avaliação e obedecerá às seguintes normas:
II - quando móveis, dependerá de avaliação prévia e de licitação, dispensada esta nos seguintes casos:
a) doação, permitida exclusivamente para fins e uso de interesse social, após avaliação de sua oportunidade e conveniência sócio-econômica, relativamente à escolha de outra forma de alienação;
b) permuta, permitida exclusivamente entre órgãos ou entidades da Administração Pública;
c) venda de ações, que poderão ser negociadas em bolsa, observada a legislação específica;
d) venda de títulos, na forma da legislação pertinente;
e) venda de bens produzidos ou comercializados por órgãos ou entidades da Administração Pública, em virtude de suas finalidades;
f) venda de materiais e equipamentos para outros órgãos ou entidades da Administração Pública, sem utilização previsível por quem deles dispõe.

Bens declarados inservíveis ao Poder Legislativo: o que fazer?

PARECER JURÍDICO Parecer n° 0CC/2020 Ref. Memorando 022/2020 Assunto : Baixa de bens não servíveis à Câmara de Pradópolis Trata-se de solicitação de Parecer Jurídico provocada pela Comissão de…
1
0

Parecer Jurídico de doação de veículo inservível para município.

PARECER JURÍDICO Nº XXXXXXX. PROCESSO Nº XXXXXXX INTERESSADO: PREFEITURA MUNICIPAL DE XXXXXXXX ASSUNTO: DOAÇÃO DE BEM MÓVEL EMENTA: DIREITO ADMINISTRATIVO. BENS INSERVÍVEIS E ANTIECONÔMICO. DOAÇÃO DE…
1
0