Parágrafo 3 Artigo 3 da Lei nº 8.666 de 21 de Junho de 1993

Lei nº 8.666 de 21 de Junho de 1993

Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências.
Art. 3o A licitação destina-se a garantir a observância do princípio constitucional da isonomia, a seleção da proposta mais vantajosa para a administração e a promoção do desenvolvimento nacional sustentável e será processada e julgada em estrita conformidade com os princípios básicos da legalidade, da impessoalidade, da moralidade, da igualdade, da publicidade, da probidade administrativa, da vinculação ao instrumento convocatório, do julgamento objetivo e dos que lhes são correlatos. (Redação dada pela Lei nº 12.349, de 2010) (Regulamento) (Regulamento) (Regulamento)
§ 3o A licitação não será sigilosa, sendo públicos e acessíveis ao público os atos de seu procedimento, salvo quanto ao conteúdo das propostas, até a respectiva abertura.

Premissas de uma nova legislação de licitações e contratos

Vivemos uma época nebulosa em nosso país, momento de grande instabilidade política e econômica. Essa espécie de período, contudo, é propício para formatação de novas ideias e propostas de reformas…

Rodrigues Alves: empresa precisa ir à Justiça para ter acesso a edital de licitação

O Juízo Cível da Comarca de Mâncio Lima, com competência prorrogada para Rodrigues Alves, em decisão liminar, determinou à presidente da Comissão de Licitação do Município de Rodrigues Alves/AC,…

Amostras - Quando e como apresentá-las.

Por Ronaldo Coelho Lamarão* No tocante às amostras, tanto a lei geral de licitações, quanto a lei do pregão são omissas sobre a questão. Não há, em nenhuma dessas legislações, referência expressa…