Art. 12 da Lei de Improbidade Administrativa - Lei 8429/92

Lei nº 8.429 de 02 de Junho de 1992

Dispõe sobre as sanções aplicáveis aos agentes públicos nos casos de enriquecimento ilícito no exercício de mandato, cargo, emprego ou função na administração pública direta, indireta ou fundacional e dá outras providências.
Art. 12. Independentemente das sanções penais, civis e administrativas previstas na legislação específica, está o responsável pelo ato de improbidade sujeito às seguintes cominações, que podem ser aplicadas isolada ou cumulativamente, de acordo com a gravidade do fato: (Redação dada pela Lei nº 12.120, de 2009).
I - na hipótese do art. 9°, perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio, ressarcimento integral do dano, quando houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de oito a dez anos, pagamento de multa civil de até três vezes o valor do acréscimo patrimonial e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de dez anos;
II - na hipótese do art. 10, ressarcimento integral do dano, perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio, se concorrer esta circunstância, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de cinco a oito anos, pagamento de multa civil de até duas vezes o valor do dano e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de cinco anos;
III - na hipótese do art. 11, ressarcimento integral do dano, se houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.
IV - na hipótese prevista no art. 10-A, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de 5 (cinco) a 8 (oito) anos e multa civil de até 3 (três) vezes o valor do benefício financeiro ou tributário concedido. (Incluído pela Lei Complementar nº 157, de 2016)
Parágrafo único. Na fixação das penas previstas nesta lei o juiz levará em conta a extensão do dano causado, assim como o proveito patrimonial obtido pelo agente.
GEN Jurídico, Editor de Livro
há 28 dias

Aplicabilidade da sanção de perda da função pública sobre qualquer função exercida pelo agente ímprobo ao tempo do trânsito em julgado da decisão condenatória

A sanção de perda da função pública enseja a extinção do vínculo jurídico existente entre o agente público e a entidade vitimada pelo ato ímprobo. No universo da Lei de Improbidade Administrativa –...

Douglas Sabino, Estudante de Direito
mês passado

Análise da atuação do Ministério Público em ações de Improbidade Administrativa

Análise da atuação do Ministério Público em ações de Improbidade Administrativa Douglas Matias Sabino. Resumo: O presente artigo tem como objeto o estudo dos métodos utilizados pelo Ministério...

Jave Santos, Bacharel em Direito
mês passado

Improbidade administrativa: Atentado contra os Principios da Adminstração Pública

IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA: ATENTADO CONTRA OS PRINCÍPIOS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Javé Santos de Menezes [1] Resumo Este trabalho tem a finalidade de mostrar como mais detalhes a finalidade e a...

Gabriel Pereira, Estudante de Direito
há 2 meses

Condutas vedadas aos agentes públicos em campanhas eleitorais

POR GABRIEL DA SILVA PEREIRA. Cursando Bacharelado em Direito pela Fundação Presidente Antônio Carlos de Ubá – FUPAC/UNIPAC. Há três anos Estagiário do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, nos juízos...

Gabriel Terenzi, Estudante de Direito
há 2 meses

Direitos Políticos Negativos

[Como citar este artigo: TERENZI, Gabriel Vieira. Direitos Políticos Negativos: Ordenamento Jurídico-Eleitoral Brasileiro em Face do Sistema Interamericano de Proteção aos Direitos Humanos. 2019. 81...

Desvio de Função de Funcionário Público Estatutário

DESVIO DE FUNÇÃO DE FUNCIONÁRIO PÚBLICO ESTATUTÁRIO. RESUMO. O presente trabalho tem por escopo discorrer sobre o desvio de servidor público estatutário. A intenção não é esgotar o assunto e nem...

Thiago Mayworm, Advogado
há 3 meses

A inelegibilidade decorrente do ato de improbidade administrativa à luz da lei complementar 135/2010

RESUMO: Embora o Brasil viva um momento delicado de sua história, por conta de escândalos quase cotidianos de corrupção e improbidade, o presente trabalho tem o objetivo de demonstrar que não se pode...

Levi Melo, Estudante de Direito
há 4 meses

Inelegibilidade infraconstitucional

INELEGIBILIDADE INFRACONSTITUCIONAL Conforme a Constituição Federal de 1988, somente a lei complementar poderá dispôr de inelegibilidade infraconstitucional. Assim dispõe a Carta Magna : Art. 14. A...

Direito Administrativo - Questões Discursivas - 2ª fase OAB

DIREITO ADMINISTRATIVO – 2ª FASE OAB – QUESTÕES DISCURSIVAS XXVI EXAME DE ORDEM UNIFICADO (2018.2) Definitivo Questão 1 Os Municípios Alfa, Beta e Gama decidiram criar um consórcio público para a...

Reny P Silva, Estudante de Direito
há 4 meses

A Indisponibilidade do Bem de Família em Ações de Improbidade Administrativa

UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES RENY PRATA SILVA A INDISPONIBILIDADE DO BEM DE FAMÍLIA EM AÇÕES DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA Mogi das Cruzes, SP 2019 UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES RENY PRATA SILVA...