Carregando...
Jusbrasil - Tópicos
27 de julho de 2017
Artigo 117 da Lei nº 8.213 de 24 de Julho de 1991

Art. 117 da Lei de Benefícios da Previdência Social - Lei 8213/91

LBPS - Lei nº 8.213 de 24 de Julho de 1991

Dispõe sobre os Planos de Benefícios da Previdência Social e dá outras providências.

Art. 117. A empresa, o sindicato ou a entidade de aposentados devidamente legalizada poderá, mediante convênio com a Previdência Social, encarregar-se, relativamente a seu empregado ou associado e respectivos dependentes, de:

I - processar requerimento de benefício, preparando-o e instruindo-o de maneira a ser despachado pela Previdência Social;

II - submeter o requerente a exame médico, inclusive complementar, encaminhando à Previdência Social o respectivo laudo, para efeito de homologação e posterior concessão de benefício que depender de avaliação de incapacidade;

III - pagar benefício.

Parágrafo único. O convênio poderá dispor sobre o reembolso das despesas da empresa, do sindicato ou da entidade de aposentados devidamente legalizada, correspondente aos serviços previstos nos incisos II e III, ajustado por valor global conforme o número de empregados ou de associados, mediante dedução do valor das contribuições previdenciárias a serem recolhidas pela empresa.

Andamento do Processo n. 1001447-16.2016.5.02.0373 - RTOrd - 17/07/2017 do TRT-2

Processo Nº RTOrd-1001447-16.2016.5.02.0373 RECLAMANTE ADRIANA COUTO DA SILVA ADVOGADO ALEXANDRE VINHOLA DOS SANTOS (OAB: 192046/SP) RECLAMADO SIMAC MANUTENCAO E SERVICOS LTDA ADVOGADO SILVANA

Pg. 6202. Judiciário. Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região TRT-2 de 17/07/2017

Juíza do Trabalho Dra. MARIA DE FÁTIMA DA SILVA PETERSEN, apregoados os litigantes, ADRIANA COUTO DA SILVA, reclamante e SIMAC MANUTENÇÃO E SERVIÇO LTDA, reclamada. Ausentes as partes. Prejudicada a

Pg. 1064. Judiciário. Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região TRT-17 de 29/06/2017

I - pelo próprio segurado, dependente ou beneficiário; II - por procurador legalmente constituído; III - por representante legal, tutor, curador ou administrador provisório do interessado, quando for

Pg. 4540. Judiciário. Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região TRT-10 de 11/05/2017

, ou seja, de cunho acidentário, desde 06/02/2014. Logo, restaram comprovados os requisitos previstos no art. 117 da Lei 8.213/91, in... de Id ffa2d8c comprova que foi concedido à reclamante, em 17 de março de 2014, auxílio-doença no Código 91... ao empregador o deferimento de benefícios aos trabalhadores. Contudo, exi...

Pg. 4559. Judiciário. Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região TRT-10 de 11/05/2017

/2014. Logo, restaram comprovados os requisitos previstos no art. 117 da Lei 8.213/91, in..., ante o reconhecimento pela reclamada da estabilidade acidentária prevista no art. 118 da Lei 8.213/91. Afirma que, após... concedido à reclamante, em 17 de março de 2014, auxílio-doença no Código 91, ou seja, de cunho acidentá...

Mateus Amoroso

Mateus Amoroso -

Aposentadoria por Invalidez

artigo 117 da Lei de Benefícios da Previdência Social . 2.2 Critério Quantitativo O critério quantitativo visa..., como consta no art. 67 da Lei 8.213 /91. 1.1.2. Fatores acidentais: explicitação da situação de necessidade social, carência... o caso do que ocorre no artigo 89 da Lei 8.213 /91 referente aos serviços de...

Pg. 623. Judicial - TRF. Tribunal Regional Federal da 2ª Região TRF-2 de 31/03/2017

ESCELSA S/A a proceder ao ressarcimento do INSS dos valores despendidos por este em função da condenação imposta na ação principal. 2. O demandante foi vítima de acidente de trabalho e passou a

MANDADO DE SEGURANÇA: MS 21724 DF 2015/0085451-0

MANDADO DE SEGURANÇA Nº 21.724 - DF (2015/0085451-0) RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES IMPETRANTE : JOSÉ OTÁVIO CHAVES DE CARVALHO ADVOGADO : LUIZ GUSTAVO PINTO DA LUZ ALVES DE FARIA - RJ158681 IMPETRADO : MINISTRO DE ESTADO DA JUSTIÇA INTERES. : UNIÃO PROCESSUAL CIVIL E ADMINISTRATIVO. MANDADO DE SEGURANÇA. SERVID...

Andamento do Processo n. 2015/0085451-0 - Mandado de Segurança - 09/03/2017 do STJ

(2466) MANDADO DE SEGURANÇA Nº 21.724 - DF (2015/0085451-0) RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES IMPETRANTE : JOSÉ OTÁVIO CHAVES DE CARVALHO ADVOGADO : LUIZ GUSTAVO PINTO DA LUZ ALVES DE FARIA -

Pg. 1609. Superior Tribunal de Justiça STJ de 09/03/2017

MINISTRO BENEDITO GONÇALVES Relator (2466) MANDADO DE SEGURANÇA Nº 21.724 - DF (2015/0085451-0) RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES IMPETRANTE : JOSÉ OTÁVIO CHAVES DE CARVALHO ADVOGADO : LUIZ

×