Artigo 7 do Decreto Lei nº 4.657 de 04 de Setembro de 1942

LICC - Decreto Lei nº 4.657 de 04 de Setembro de 1942

Art. 7o A lei do país em que domiciliada a pessoa determina as regras sobre o começo e o fim da personalidade, o nome, a capacidade e os direitos de família.
§ 1o Realizando-se o casamento no Brasil, será aplicada a lei brasileira quanto aos impedimentos dirimentes e às formalidades da celebração.
§ 2o O casamento de estrangeiros pode celebrar-se perante as autoridades diplomáticas ou consulares do país em que um dos nubentes seja domiciliado.
(Revogado)
§ 2o O casamento de estrangeiros poderá celebrar-se perante autoridades diplomáticas ou consulares do país de ambos os nubentes. (Redação dada pela Lei nº 3.238, de 1957)
§ 3o Tendo os nubentes domicílio diverso, regerá os casos de invalidade do matrimônio a lei do primeiro domicílio conjugal.
§ 4o O regime de bens, legal ou convencional, obedece à lei do país em que tiverem os nubentes domicílio, e, se este for diverso, a do primeiro domicílio conjugal.
§ 5o O estrangeiro casado, que se naturalizar brasileiro, pode, mediante expressa anuência de seu cônjuge, requerer ao juiz, no ato de entrega do decreto de naturalização, se apostile ao mesmo a adoção do regime da comunhão universal de bens, respeitados os direitos de terceiro e dada esta adoção ao competente registro.
(Revogado)
§ 5º - O estrangeiro casado, que se naturalizar brasileiro, pode, mediante expressa anuência de seu cônjuge, requerer ao juiz, no ato de entrega do decreto de naturalização, se apostile ao mesmo a adoção do regime de comunhão parcial de bens, respeitados os direitos de terceiros e dada esta adoção ao competente registro. (Redação dada pela Lei nº 6.515, de 1977)
§ 6o Não será reconhecido no Brasil o divórcio, se os cônjuges forem brasileiros. Se um deles o for, será reconhecido o divórcio quanto ao outro, que não poderá, entretanto, casar-se no Brasil.
(Revogado)
§ 6º - O divórcio realizado no estrangeiro, se um ou ambos os cônjuges forem brasileiros, só será reconhecido no Brasil depois de três anos da data da sentença, salvo se houver sido antecedida de separarão judicial por igual prazo, caso em que a homologação produzirá efeito imediato, obedecidas as condições estabelecidas para a eficácia das sentenças estrangeiras no País. O Supremo Tribunal Federal, na forma de seu regimento interno, poderá reexaminar, a requerimento do interessado, decisões já proferidas em pedidos de homologação de sentenças estrangeiras de divórcio de brasileiros, a fim de que passem a produzir todos os efeitos legais. (Redação dada pela Lei nº 6.515, de 1977)
(Revogado)
§ 6º O divórcio realizado no estrangeiro, se um ou ambos os cônjuges forem brasileiros, só será reconhecido no Brasil depois de 1 (um) ano da data da sentença, salvo se houver sido antecedida de separação judicial por igual prazo, caso em que a homologação produzirá efeito imediato, obedecidas as condições estabelecidas para a eficácia das sentenças estrangeiras no país. O Superior Tribunal de Justiça, na forma de seu regimento interno, poderá reexaminar, a requerimento do interessado, decisões já proferidas em pedidos de homologação de sentenças estrangeiras de divórcio de brasileiros, a fim de que passem a produzir todos os efeitos legais. (Redação dada pela Lei nº 12.036, de 2009).
§ 7o Salvo o caso de abandono, o domicílio do chefe da família estende-se ao outro cônjuge e aos filhos não emancipados, e o do tutor ou curador aos incapazes sob sua guarda.
§ 8o Quando a pessoa não tiver domicílio, considerar-se-á domiciliada no lugar de sua residência ou naquele em que se encontre.

Petição - Ação Multa de 40% do Fgts

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DESEMBARGADOR RELATOR DR. , DA EGRÉGIA SEXTA TURMA DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9a REGIÃO - CURITIBA/PR Processo n° PULLMANTUR SHIP MANAGEMENT LTD., PULLMANTUR CRUZEIROS…

Petição - Ação Assédio Moral

Poder Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 4a Região Ação Trabalhista - Rito Ordinário Tramitação Preferencial - Acidente de Trabalho Processo Judicial Eletrônico Data da…

Andamento do Processo n. 1070759-65.2020.8.26.0100 - Adoção C/c Destituição do Poder Familiar - Nomeação - 06/12/2021 do TJSP

Processo 1070759-65.2020.8.26.0100 - Adoção c/c Destituição do Poder Familiar - Nomeação - A.C. - Vistos. A citação válida é ato essencial aos futuros efeitos que a sentença de procedência do pedido…

Página 4970 da Judicial - 1ª Instância - Capital do Diário de Justiça do Estado de São Paulo (DJSP) de 6 de Dezembro de 2021

e Notificação no Estrangeiro de Documentos Judiciais e Extrajudiciais em Matéria Civil e Comercial, firmado na Haia, em 15 de novembro de 1965. Assim, os requerentes declararam não possuir o endereço…

Andamento do Processo n. 0708373-57.2021.8.07.0006 - Apelação Cível - 03/12/2021 do TJDF

N. 0708373-57.2021.8.07.0006 - APELAÇÃO CÍVEL - Adv (s).: DF48510 - STEPHANIE CIRILO LEMOS. Poder Judiciário da União TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E DOS TERRITÓRIOS AngeloPassareli…

Página 281 do Diário de Justiça do Distrito Federal (DJDF) de 3 de Dezembro de 2021

o termo ?abduction?, que significa o traslado ilícito de uma pessoa (no caso, uma criança) para outro país mediante o uso de força ou fraude. A versão francesa da Convenção adota o termo…

Andamento do Processo n. 0000022-11.2020.5.09.0025 - RORSum - 02/12/2021 do TRT-9

Processo Nº RORSum-0000022-11.2020.5.09.0025 Relator CÉLIO HORST WALDRAFF RECORRENTE USINA DE ACUCAR SANTA TEREZINHA LTDA EM RECUPERACAO JUDICIAL ADVOGADO PAULA MENEGUETTI BERNARDELLI(OAB: 95411/PR)…

Andamento do Processo n. 0000022-11.2020.5.09.0025 - RORSum - 02/12/2021 do TRT-9

Processo Nº RORSum-0000022-11.2020.5.09.0025 Relator CÉLIO HORST WALDRAFF RECORRENTE USINA DE ACUCAR SANTA TEREZINHA LTDA EM RECUPERACAO JUDICIAL ADVOGADO PAULA MENEGUETTI BERNARDELLI(OAB: 95411/PR)…

Página 3850 da Judiciário do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (TRT-9) de 2 de Dezembro de 2021

permanentes de mecanografia, exige sobrecarga muscular estática, conforme prevê o item 31.10.9 da NR-31.Recurso de embargos conhecido e desprovido." (E-RR-139-44.2011.5.15.0156, Relator Ministro:…

Página 3854 da Judiciário do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (TRT-9) de 2 de Dezembro de 2021

julgador ao que dispõem o artigo 4º da Lei de Introdução às Normas do Direito Brasileiro, bem como o artigo 8º da CLT Note-se que a essência jurídica que motivou a edição da Súmula 346 do TST é a…