Carregando...
Jusbrasil - Tópicos
24 de setembro de 2017
Artigo 80 da Lei nº 9.394 de 20 de Dezembro de 1996

Art. 80 da Lei de Diretrizes e Bases - Lei 9394/96

LDBE - Lei nº 9.394 de 20 de Dezembro de 1996

Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional.

Art. 80. O Poder Público incentivará o desenvolvimento e a veiculação de programas de ensino a distância, em todos os níveis e modalidades de ensino, e de educação continuada. (Regulamento) (Regulamento)

§ 1º A educação a distância, organizada com abertura e regime especiais, será oferecida por instituições especificamente credenciadas pela União.

§ 2º A União regulamentará os requisitos para a realização de exames e registro de diploma relativos a cursos de educação a distância.

§ 3º As normas para produção, controle e avaliação de programas de educação a distância e a autorização para sua implementação, caberão aos respectivos sistemas de ensino, podendo haver cooperação e integração entre os diferentes sistemas. (Regulamento)

§ 4º A educação a distância gozará de tratamento diferenciado, que incluirá:

I - custos de transmissão reduzidos em canais comerciais de radiodifusão sonora e de sons e imagens;

I - custos de transmissão reduzidos em canais comerciais de radiodifusão sonora e de sons e imagens e em outros meios de comunicação que sejam explorados mediante autorização, concessão ou permissão do poder público; (Redação dada pela Lei nº 12.603, de 2012)

II - concessão de canais com finalidades exclusivamente educativas;

III - reserva de tempo mínimo, sem ônus para o Poder Público, pelos concessionários de canais comerciais.

Pg. 94. Comarcas - 1ª 2ª e 3ª Entrância. Diário de Justiça do Estado do Mato Grosso DJMT de 22/09/2017

Parte(s) Polo Ativo: JOAO OLIVEIRA DE LIMA (AUTOR) Advogado(s) Polo Ativo: DARLEY DA SILVA CAMARGO OAB - 0006526-B/MT (ADVOGADO) EUDER OLIVEIRA RIBEIRO OAB - 0010271-A/MT (ADVOGADO) JOAO OLIVEIRA DE

RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO: ARE 1076119 PR - PARANÁ

Decisão: Trata-se de agravo cujo objeto é a decisão que não admitiu recurso extraordinário e de recurso extraordinário, interpostos pela União e pelo Estado do Paraná, respectivamente, em face de acórdão proferido pela 4ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, assim ementado (eDOC 86): “ADMINISTRATIVO. EXPEDI...

Andamento do Processo n. 1016509-42.2017.8.26.0309 - Mandado de Segurança - 21/09/2017 do TJSP

Processo 1016509-42.2017.8.26.0309 - Mandado de Segurança - Inquérito / Processo / Recurso Administrativo - Dayron Morales Ramos - Polícia Federal de Campinas - Vistos.Trata-se de ação mandamental

Pg. 1343. Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte II. Diário de Justiça do Estado de São Paulo DJSP de 21/09/2017

FEDERAL E JUSTIÇA ESTADUAL. MANDADO DE SEGURANÇA IMPETRADO CONTRA GERENTE EXECUTIVA DO INSS. AÇÃO ACIDENTÁRIA. PREVALÊNCIA DA COMPETÊNCIA EM RAZÃO DA PESSOA. PRECEDENTES. COMPETÊNCIA FEDERAL. 1. A

RECURSO ESPECIAL: REsp 1692383 RS 2017/0121427-3

RECURSO ESPECIAL Nº 1.692.383 - RS (2017/0121427-3) RELATORA : MINISTRA REGINA HELENA COSTA RECORRENTE : RGE SUL DISTRIBUIDORA DE ENERGIA S.A ADVOGADOS : FABIANA CARLA CAMILOTTI ISAIA E OUTRO(S) - RS042643 LETICIA DE MELO VARGAS - RS067309 RECORRIDO : ANA MARIA CAMPOS MACHADO RECORRIDO : VANDERLEI CHARAO MACHADO RECORR...

Andamento do Processo n. 1.076.119 - Recurso Extraordinário / Agravo - 20/09/2017 do STF

RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 1.076.119 (1573) ORIGEM : PROC - 50008578820104047007 - TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIÃO PROCED. : PARANÁ RELATOR :MIN. EDSON FACHIN RECTE.(S) : ESTADO DO

Pg. 417. Supremo Tribunal Federal STF de 20/09/2017

que o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada, quando objetos de verificação em cada caso concreto quanto à ocorrência ou não de violação, não desafiam a instância

RECURSO ESPECIAL: REsp 1553623 PR 2015/0220424-9

RECURSO ESPECIAL Nº 1.553.623 - PR (2015/0220424-9) RELATOR : MINISTRO GURGEL DE FARIA RECORRENTE : ANEZITA MARIA DE SOUZA RECORRENTE : DENILSI TERESINIA DE PAULA CASADO RECORRENTE : ELAINE SETTI RECORRENTE : ELIANE BATISTA MAZURCKEVITZ RECORRENTE : FERNANDA DE BARROS MARTINS RECORRENTE : JOSANE MARIA MULLER DE PAIVA R...

CONFLITO DE COMPETÊNCIA: CC 149051 PR 2016/0258654-9

CONFLITO DE COMPETÊNCIA Nº 149.051 - PR (2016/0258654-9) RELATOR : MINISTRO GURGEL DE FARIA SUSCITANTE : JUÍZO FEDERAL DA 11A VARA DA SEÇAO JUDICIÁRIA DO ESTADO DO PARANÁ SUSCITADO : JUIZO DE DIREITO DA 7A VARA DA FAZENDA PUBLICA CURITIBA- PR INTERES. : MARIA DE FATIMA LEAL DE ALMEIDA ADVOGADO : LETÍCIA MACHADO - PR060...

Pg. 2065. Superior Tribunal de Justiça STJ de 19/09/2017

4. Essa conclusão também se aplica aos casos de ensino à distância, em que não é possível a expedição de diploma ao estudante em face da ausência de credenciamento da instituição junto ao MEC. Isso

×