A apresentação antecipada de cheque pré-datado configura dano moral

. Observou-se que o cheque foi devolvido por insuficiência de fundos, em razão do depósito antecipado. É importante...A apresentação antecipada de cheque pré-datado configura dano moral Comprovado …

Recebi um cheque sem fundos. Como cobrar?

Recebi um cheque sem fundos. Como cobrar? Grande parte dos comerciantes e prestadores de serviços aceitam o recebimento... de cheques como forma de pagamento pelos consumidores. Várias vezes ao …

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Recurso Inominado : RI 0301219-54.2018.8.24.0016 Capinzal 0301219-54.2018.8.24.0016

Alexandre Morais da Rosa CONTA ENCERRADA. CHEQUE DEVOLVIDO. MOTIVO 13. INCLUSÃO DO NOME DO AUTOR/RECORRENTE EM CADASTRO.... RECURSO DESPROVIDO. O titular da conta deve, quando do encerramento da …

Tribunal de Justiça do Amazonas TJ-AM - Apelação Cível : AC 0608761-24.2016.8.04.0001 AM 0608761-24.2016.8.04.0001

DO CORRENTISTA. ESTELIONATO. DEVOLUÇÃO DO CHEQUE. DANO CONFIGURADO. RESPONSABILIDADE OBJETIVA DA INSTITUIÇÃO BANCÁRIA... - 14/6/2020 Aristóteles Lima Thury APELAÇÃO CÍVEL. CHEQUE EMITIDO SEM AS …

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - "Recurso Cível" : 71009088311 RS

. BLOQUEIO DE CONTAS INDEVIDO. CHEQUE DEVOLVIDO. INDENIZATÓRIA. DANO MORAL EVIDENCIADO. FIXADO EM R$ 6.000,00. QUANTUM... disso, a autora restou impedida de efetuas pagamentos de conta e ainda teve …

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível : AC 10000191681246001 MG

EMENTA: APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO DE INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS - DEVOLUÇÃO DE CHEQUE - INSUFICIÊNCIA DE SALDO - EXERCÍCIO REGULAR DE DIREITO - INEXISTÊNCIA DE ATO ILÍCITO - DANO MORAL - NÃO …

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF : 0737245-23.2019.8.07.0016 DF 0737245-23.2019.8.07.0016

DE CÁRTULAS DE CHEQUE. TRANSAÇÕES REALIZADAS MEDIANTE FRAUDE. CHEQUE DEVOLVIDO. NEGATIVAÇÃO INDEVIDA. FALHA NA PRESTAÇÃO... jurídico entre as partes relacionadas a conta nº 32906-1, declarar a …

Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro TJ-RJ - APELAÇÃO : APL 0015139-48.2015.8.19.0038

APELAÇÃO CÍVEL. AÇÃO DE INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS. RELAÇÃO DE CONSUMO. ENCERRAMENTO UNILATERAL DE CONTA CORRENTE BANCÁRIA SEM JUSTO MOTIVO. DEVOLUÇÃO DE CHEQUE. FALHA NA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO. …

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF : 0709066-09.2019.8.07.0007 DF 0709066-09.2019.8.07.0007

COM TERCEIRO. DEVOLUÇÃO DO CHEQUE. AÇÃO MONITÓRIA MOVIDA PELO TERCEIRO EM FACE DA AUTORA. ACORDO. RESSARCIMENTO INTEGRAL... empresa (Alice Decorações, estranha à lide) para a realização de compras …

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - PROCESSO CÍVEL E DO TRABALHO - Recursos - Apelação : APL 0032338-18.2014.8.16.0001 PR 0032338-18.2014.8.16.0001 (Acórdão)

DEVOLVIDO POR INSUFICIÊNCIA DE FUNDOS. DEMONSTRAÇÃO DO PAGAMENTO DO DÉBITO. AUSÊNCIA DE COMPROVAÇÃO DA DEVOLUÇÃO DO CHEQUE... DE OBRIGAÇÃO DE FAZER COM PEDIDO DE TUTELA ANTECIPADA. CHEQUE DEVOLVIDO.…
Resultados da busca Jusbrasil para "Cheque Devolvido"
00265003520055200006 (TRT-20)
Jurisprudência01/08/2005Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região
Ementa: CHEQUE DEVOLVIDO- DESCONTO LÍCITO. Restando devidamente demonstrado que um dos descontos foi efetuado dentro da estrita legalidade, observando o art. 462 da CLT , a cláusula décima oitava do Acordo Coletivo da categoria, como também os procedimentos de recebimento de Cheques, devidamente assinados pelo autor, merece reforma parcial a sentença para retirar da condenação apenas o pagamento pelo desconto do cheque devolvido, uma vez que lícito.
265200500620000 SE 00265-2005-006-20-00-0 (TRT-20)
Jurisprudência01/08/2005Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região
Ementa: CHEQUE DEVOLVIDO- DESCONTO LÍCITO. Restando devidamente demonstrado que um dos descontos foi efetuado dentro da estrita legalidade, observando o art. 462 da CLT , a cláusula décima oitava do Acordo Coletivo da categoria, como também os procedimentos de recebimento de Cheques, devidamente assinados pelo autor, merece reforma parcial a sentença para retirar da condenação apenas o pagamento pelo desconto do cheque devolvido, uma vez que lícito.
Apelação Cível APC 20130111057203 (TJ-DF)
Ementa: Cheque devolvido. Notificação. 1 - Se a instituição financeira não deu causa ao atraso ao pagamento das parcelas do mútuo bancário, o devedor responde pela inadimplência. 2 - As instituições financeiras não são obrigadas a notificar o credor de cheque devolvido por insuficiência de saldo na conta do devedor. É suficiente que a informação conste do extrato bancário. 3 – Apelação não provida.
200000037512280001 MG 2.0000.00.375122-8/000(1) (TJ-MG)
Jurisprudência08/02/2003Tribunal de Justiça de Minas Gerais
Ementa: EXECUÇÃO - TÍTULO EXECUTIVO EXTRAJUDICIAL - CHEQUE DEVOLVIDO SEM PROVISÃO DE FUNDOS - REAPRESENTAÇÃO - DESNECESSIDADE. É desnecessária a reapresentação de cheque devolvido sem provisão de fundos para a interposição de ação executiva, bastando tão-somente a primeira negativa de pagamento.
00003720110021100 (TRT-11)
Jurisprudência21/06/2012Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região
Ementa: CHEQUE DEVOLVIDO. Consoante disposto no art. 462 da CLT , ao empregador é vedado efetuar qualquer desconto nos salários do empregado, salvo quando este resultar de adiantamentos, de dispositivos de lei ou de contrato coletivo. Recurso conhecido e não provido.
Recurso Cível 71003749553 RS (TJ-RS)
Jurisprudência05/12/2012Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Ementa: CHEQUE DEVOLVIDO. CONTA ENCERRADA INSCRIÇÃO LÍCITA. É dever do correntista que pretende encerrar conta diligenciar no sentido de: ou aguardar a compensação dos cheques que têm em circulação; ou resgatá-los, para então proceder ao encerramento da conta. Assim não o fazendo, corre o risco de ter cheque devolvido e ser incluído no rol de inadimplentes. Sentença de improcedência mantida. RECURSO IMPROVIDO. (Recurso Cível Nº 71003749553, Terceira Turma Recursal Cível, Turmas Recursais, Relator: Eduardo Kraemer, Julgado em 29/11/2012)
Apelação Cível do Juizado Especial ACJ 20140310147430 (TJ-DF)
Ementa: CHEQUE DEVOLVIDO POR DIVERGÊNCIA DE ASSINATURA. INSCRIÇÃO EM CADASTRO DE INADIMPLENTES EM RAZÃO DE INDICAÇÃO INCORRETA DE CHEQUE DEVOLVIDO SEM FUNDOS. DANO MORAL. REPARAÇÃO. RAZOÁVEL E PROPORCIONAL. DANO MATERIAL. NÃO CONFIGURADO. 1.O dano moral foi fixado em valor razoável e proporcional, não havendo reparos a fazer, principalmente pelo fato de que o Recorrente concorreu para a ocorrência do evento danoso, eis que sequer comunicou à autoridade policial a ocorrência do furto noticiado. 2.Não comprovado o dano material, inviável condenação neste sentido. 3.Recurso conhecido mas improvido. Sentença mantida por seus próprios fundamentos, a teor do art. 46 da Lei nº 9.099 /95, servindo a súmula de julgamento de acórdão. 4.Recorrente sucumbente arcará com custas processuais e honorários de advogado fixados em 10% do valor atualizado da condenação.
Apelação Cível AC 70045560414 RS (TJ-RS)
Jurisprudência24/11/2011Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Ementa: REGULARIZAÇÃO DE PENDÊNCIA DECORRENTE DE CHEQUE DEVOLVIDO POR INSUFICIÊNCIA DE FUNDOS, MEDIANTE REGRAS DO BACEN. EXERCÍCIO REGULAR DE DIREITO. O banco demandado ao ter regularizado a pendência resultante do cheque devolvido por insuficiência de fundos, na forma das regras do BACEN, agiu no exercício regular do seu direito (art. 188 , I , do CC ). Ademais, caberia à própria autora a iniciativa de tomar as providências necessárias para receber o valor do cheque devolvido em relação ao seu emitente, razão por que está...
APELAÇÃO CIVEL AC 95015 RS 1999.04.01.095015-8 (TRF-4)
Jurisprudência31/01/2001Tribunal Regional Federal da 4ª Região
Ementa: CHEQUE DEVOLVIDO. DIVERGÊNCIA DE ASSINATURA. CONDUTA REGULAR DA INSTITUIÇÃO BANCÁRIA. Pela nova ficha de autógrafos, preenchida após a devolução do cheque, confirma a alteração da assinatura do correntista emitente.Correto, o procedimento da CEF, ao devolver o cheque.Eventual dano moral decorrente da atuação de terceiros ao cobrar do emitente o cheque devolvido não pode ser atribuído à instituição bancária.
APELAÇÃO CIVEL AC 95015 RS 1999.04.01.095015-8 (TRF-4)
Jurisprudência31/01/2001Tribunal Regional Federal da 4ª Região
Ementa: CHEQUE DEVOLVIDO. DIVERGÊNCIA DE ASSINATURA. CONDUTA REGULAR DA INSTITUIÇÃO BANCÁRIA. Pela nova ficha de autógrafos, preenchida após a devolução do cheque, confirma a alteração da assinatura do correntista emitente.Correto, o procedimento da CEF, ao devolver o cheque.Eventual dano moral decorrente da atuação de terceiros ao cobrar do emitente o cheque devolvido não pode ser atribuído à instituição bancária.
Buscar mais 1.059.912 resultados sobre "Cheque Devolvido" na busca Jusbrasil

Tópico relacionado

Termo ou Assunto relacionado