Carregando...
Jusbrasil - Tópicos
20 de junho de 2018
Artigo 75A do Decreto Lei nº 5.452 de 01 de Maio de 1943

Art. 75A Consolidação das Leis do Trabalho - Decreto Lei 5452/43

CLT - Decreto Lei nº 5.452 de 01 de Maio de 1943

Aprova a Consolidação das Leis do Trabalho.

Art. 75-A. A prestação de serviços pelo empregado em regime de teletrabalho observará o disposto neste Capítulo. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Art. 75-B. Considera-se teletrabalho a prestação de serviços preponderantemente fora das dependências do empregador, com a utilização de tecnologias de informação e de comunicação que, por sua natureza, não se constituam como trabalho externo. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Parágrafo único. O comparecimento às dependências do empregador para a realização de atividades específicas que exijam a presença do empregado no estabelecimento não descaracteriza o regime de teletrabalho. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Art. 75-C. A prestação de serviços na modalidade de teletrabalho deverá constar expressamente do contrato individual de trabalho, que especificará as atividades que serão realizadas pelo empregado. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

§ 1o Poderá ser realizada a alteração entre regime presencial e de teletrabalho desde que haja mútuo acordo entre as partes, registrado em aditivo contratual. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

§ 2o Poderá ser realizada a alteração do regime de teletrabalho para o presencial por determinação do empregador, garantido prazo de transição mínimo de quinze dias, com correspondente registro em aditivo contratual. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Art. 75-D. As disposições relativas à responsabilidade pela aquisição, manutenção ou fornecimento dos equipamentos tecnológicos e da infraestrutura necessária e adequada à prestação do trabalho remoto, bem como ao reembolso de despesas arcadas pelo empregado, serão previstas em contrato escrito. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Parágrafo único. As utilidades mencionadas no caput deste artigo não integram a remuneração do empregado. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Art. 75-E. O empregador deverá instruir os empregados, de maneira expressa e ostensiva, quanto às precauções a tomar a fim de evitar doenças e acidentes de trabalho. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Parágrafo único. O empregado deverá assinar termo de responsabilidade comprometendo-se a seguir as instruções fornecidas pelo empregador. (Incluído pela Lei nº 13.467, de 2017) (Vigência)

Andamento do Processo n. 0080305-24.2018.5.07.0000 - Ms - 23/05/2018 do TRT-7

Processo Nº MS-0080305-24.2018.5.07.0000 Relator ANTONIO MARQUES CAVALCANTE FILHO IMPETRANTE COMPANHIA DE AGUA E ESGOTO DO CEARA CAGECE ADVOGADO ANTONIO CLETO GOMES(OAB: 5864/CE) IMPETRADO ANTONIO

Pg. 84. Judiciário. Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região TRT-7 de 23/05/2018

pelo Presidente do Tribunal Regional do Trabalho, ao emitir juízo de admissibilidade sobre o recurso de revista, ou pelo Ministro Relator, mediante decisões irrecorríveis. (Redação dada pela Lei nº

Pg. 86. Judiciário. Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região TRT-7 de 23/05/2018

Portanto, tem-se como presente, em fase de cognição sumária, a probabilidade jurídica do pedido de tutela de urgência formulado pelo Reclamante. Portanto, presentes os requisitos previstos no art.

O novo Regime de Teletrabalho

A tão aguardada Reforma Trabalhista trouxe diversas inovações para dentro da CLT. Inovações estas que, em sua maioria, já são velhas conhecidas das relações de emprego na prática. Uma delas é a

Reforma Trabalhista – Teletrabalho – Art. 75-A e seguintes da CLT

INTRODUÇÃO A Lei nº 13.467/2017, também chamada de “Reforma Trabalhista”, entrou em vigor em 11 de novembro de 2017 e alterou diversos dispositivos da CLT, modificando consideravelmente a relação

O Dano Existencial nas Relações de Trabalho, à luz da Reforma Trabalhista

O início da vigência da Reforma Trabalhista (Lei n. 13.467/17) trouxe alguns questionamentos aos empresários, especialmente em relação aos novos institutos que passaram a ser positivados na

Natalia Piccolo

Natalia Piccolo -

Teletrabalho: Reforma Trabalhista

O teletrabalho passa a ser regulamentado pelos arts. 75-A a 75-E , da CLT . Porém, antes da reforma, o Teletrabalho já tinha alguma previsão no parágrafo único do art. 6º da CLT : Parágrafo único. Os

Home Office: Teletrabalho

As inovações tecnológicas e mudanças no perfil dos empregados e empregadores, que se tornam cada dia mais dinâmicos, tornou cada vez mais comum, a contratação de empregados no regime de teletrabalho,

Andamento do Processo n. 0807241-46.2017.8.10.0000 - Habeas Corpus - 09/01/2018 do TJMA

Processo Criminal | Medidas Garantidoras | Habeas Corpus Número Processo: 0807241-46.2017.8.10.0000 Impetrante: Valdenia de Sousa Soares Advogado: Aldenor Cunha Rebouças Impetrado: Juízo de Direito

Pg. 144. Diário de Justiça do Estado do Maranhão DJMA de 09/01/2018

cognição sumária do Relator. Por outras palavras, no writ não cabe medida satisfativa antecipada." (HC 17579/RS, Rel. Min. Hamilton Carvalhido, DJ em 09/08/2001) "Em juízo de cognição sumária,

×