Artigo 24 do Decreto nº 6.949 de 25 de Agosto de 2009

Decreto nº 6.949 de 25 de Agosto de 2009

Promulga a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo, assinados em Nova York, em 30 de março de 2007.
Artigo 24 Educação 1.Os Estados Partes reconhecem o direito das pessoas com deficiência à educação. Para efetivar esse direito sem discriminação e com base na igualdade de oportunidades, os Estados Partes assegurarão sistema educacional inclusivo em todos os níveis, bem como o aprendizado ao longo de toda a vida, com os seguintes objetivos:
a) O pleno desenvolvimento do potencial humano e do senso de dignidade e auto-estima, além do fortalecimento do respeito pelos direitos humanos, pelas liberdades fundamentais e pela diversidade humana;
b) O máximo desenvolvimento possível da personalidade e dos talentos e da criatividade das pessoas com deficiência, assim como de suas habilidades físicas e intelectuais;
c) A participação efetiva das pessoas com deficiência em uma sociedade livre.
2.Para a realização desse direito, os Estados Partes assegurarão que:
a) As pessoas com deficiência não sejam excluídas do sistema educacional geral sob alegação de deficiência e que as crianças com deficiência não sejam excluídas do ensino primário gratuito e compulsório ou do ensino secundário, sob alegação de deficiência;
b) As pessoas com deficiência possam ter acesso ao ensino primário inclusivo, de qualidade e gratuito, e ao ensino secundário, em igualdade de condições com as demais pessoas na comunidade em que vivem;
c) Adaptações razoáveis de acordo com as necessidades individuais sejam providenciadas;
d) As pessoas com deficiência recebam o apoio necessário, no âmbito do sistema educacional geral, com vistas a facilitar sua efetiva educação;
e) Medidas de apoio individualizadas e efetivas sejam adotadas em ambientes que maximizem o desenvolvimento acadêmico e social, de acordo com a meta de inclusão plena.
3.Os Estados Partes assegurarão às pessoas com deficiência a possibilidade de adquirir as competências práticas e sociais necessárias de modo a facilitar às pessoas com deficiência sua plena e igual participação no sistema de ensino e na vida em comunidade. Para tanto, os Estados Partes tomarão medidas apropriadas, incluindo:
a) Facilitação do aprendizado do braille, escrita alternativa, modos, meios e formatos de comunicação aumentativa e alternativa, e habilidades de orientação e mobilidade, além de facilitação do apoio e aconselhamento de pares;
b) Facilitação do aprendizado da língua de sinais e promoção da identidade lingüística da comunidade surda;
c) Garantia de que a educação de pessoas, em particular crianças cegas, surdocegas e surdas, seja ministrada nas línguas e nos modos e meios de comunicação mais adequados ao indivíduo e em ambientes que favoreçam ao máximo seu desenvolvimento acadêmico e social.
4.A fim de contribuir para o exercício desse direito, os Estados Partes tomarão medidas apropriadas para empregar professores, inclusive professores com deficiência, habilitados para o ensino da língua de sinais e/ou do braille, e para capacitar profissionais e equipes atuantes em todos os níveis de ensino. Essa capacitação incorporará a conscientização da deficiência e a utilização de modos, meios e formatos apropriados de comunicação aumentativa e alternativa, e técnicas e materiais pedagógicos, como apoios para pessoas com deficiência.
5.Os Estados Partes assegurarão que as pessoas com deficiência possam ter acesso ao ensino superior em geral, treinamento profissional de acordo com sua vocação, educação para adultos e formação continuada, sem discriminação e em igualdade de condições. Para tanto, os Estados Partes assegurarão a provisão de adaptações razoáveis para pessoas com deficiência.

Do direito ao professor auxiliar para o portador de Transtorno de Espectro Autista

Facultativo, assinada em Nova York em 30 de março de 2007, deu ensejo ao Decreto n.º 6.949 /09 disciplinando a respeito.../_ato2007-2010/2009/decreto/d6949.htm …

Andamento do Processo n. 0800988-55.2018.8.14.0013 - 14/05/2020 do TJPA

, o artigo 24 do Decreto 6.949, de 25 de agosto de 2009, que promulgou a Convenção Internacional sobre os Direitos... especializado, (artigos 4º, III, e 58, § 1º, ambos da Lei 9.394/1996). Em …

Página 14 da Normal do Diário Oficial do Município de São Paulo (DOM-SP) de 5 de Março de 2020

AMS FORAM NEGADOS" ... POR AUSENCIA DE LOTE DE ENTREGA PARA AS DUAS AUTUACOES..." CONFORME FLS. 50 E 51 DO PROCESSO 2002-0. 201.826-8 DEFIRO O PEDIDO DE CANCELAMENTO DOS AUTOS DE MULTA 06-139.174-3 E…

Página 14 da Cidade do Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOSP) de 5 de Março de 2020

AMS FORAM NEGADOS" ... POR AUSENCIA DE LOTE DE ENTREGA PARA AS DUAS AUTUACOES..." CONFORME FLS. 50 E 51 DO PROCESSO 2002-0. 201.826-8 DEFIRO O PEDIDO DE CANCELAMENTO DOS AUTOS DE MULTA 06-139.174-3 E…

Andamento do Processo n. 1000904-37.2020.8.26.0637 - Procedimento Comum Infância e Juventude - 28/02/2020 do TJSP

Processo 1000904-37.2020.8.26.0637 - Procedimento Comum Infância e Juventude - Pessoas com deficiência - A.P.L.C.T.J. - Vistos. O autor, A. P. L. C. T. J. menor, neste ato representado por seu…

Página 3944 da Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte III do Diário de Justiça do Estado de São Paulo (DJSP) de 28 de Fevereiro de 2020

aprendizado e desenvolvimento sócio emocional, conforme relatório da médica Dra. Simone Pires (fls. 19), e então necessita de um professor auxiliar para a realização das atividades acadêmicas. Porém,…

Página 3552 da Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte III do Diário de Justiça do Estado de São Paulo (DJSP) de 12 de Fevereiro de 2020

Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo - Ana Maria Augusto - Prov. 01/87: Fica a exequente intimada para recolher as custas para publicação do edital de folhas 97, o qual contém…

Tribunal Regional Federal da 4ª Região TRF-4 - AGRAVO DE INSTRUMENTO : AG 50395422420194040000 5039542-24.2019.4.04.0000

Poder Judiciário TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIAO Agravo de Instrumento Nº 5039542-24.2019.4.04.0000/PR RELATORA: Desembargadora Federal VIVIAN JOSETE PANTALEAO CAMINHA AGRAVANTE: UNIVERSIDADE…

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Ap Cível/Rem Necessária : AC 10024161325253003 MG

EMENTA: APELAÇAO CÍVEL - AÇAO ORDINÁRIA - DIREITO À EDUCAÇAO - MATRÍCULA EM ESCOLA ESPECIAL - MENOR PORTADORA DE SÍNDROME DE DOWN - INDICAÇAO MÉDICA DE ATENDIMENTO EM INSTITUIÇAO ESPECIALIZADA -…

Andamento do Processo n. 1.831.348 - Recurso Especial - 13/12/2019 do STJ

RECURSO ESPECIAL Nº 1.831.348 - AC (2019/0237544-0) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO RECORRENTE : ESTADO DO ACRE PROCURADOR : PEDRO AUGUSTO FRANCA DE MACEDO E OUTRO(S) -AC004422 RECORRIDO…