Carregando...
Jusbrasil - Tópicos
29 de maio de 2017
Código de Ética e Disciplina da OAB

Código de Ética e Disciplina da OAB

Adicione uma descrição a este tópico. Editar

caracteres restantes

Cancelar
examedaoab.com

examedaoab.com -

Advogados cônjuges podem representar clientes adversários, desde que partes concordem
Advogados cônjuges podem representar clientes adversários, desde que partes concordem

ética pelo simples fato de comporem sociedades de advogados adversárias em ações ou causas. Da mesma forma, é possível... a atuação de cônjuges representando clientes adversários....

Advogado pode sim anunciar em revistas não jurídicas. Decide TED da OAB-SP.

de Ética e Disciplina da OAB? Sabe que é permitido o uso de canetas e blocos de anotações com a marca do seu escritório... e Disciplina da OAB-SP aprovou a possibilidade de peça de propaganda. A Ementa datada em 23 de fevereiro de 2017, alerta...Advogado pode SIM anunciar em revistas não jurídicas. Com moderação, logi...

Andamento do Processo n. 1003867-58.2017.8.26.0011 - Procedimento Comum - Cláusulas Abusivas - 27/04/2017 do TJSP

Processo 1003867-58.2017.8.26.0011 - Procedimento Comum - Cláusulas Abusivas - Ced - Centro de Ensino A Distância Ltda - Epp... considerada consumidora. Logo, não há aplicação das normas previstas no Código de Defesa do Consumidor... o exercício da faculdade prevista no artigo 340 do CPC. Int. - ADV: RONALDO RAMSES FE...

Código de ética e disciplina do advogado

Código de ética e disciplina do advogado Do mandato judicial O mandato judicial consiste em um contrato... desleal de clientela, vedadas expressamente pelo Código de Ética e Disciplina da OAB. Remessa para as Seções Disciplinares...-SE AO NORMATIVO INTERNO DESTA E, DE IGUAL FORMA, AO ESTATUTO DA ORDEM, CÓDIGO DE ÉTICA ...

Andamento do Processo n. 1003867-58.2017.8.26.0011 - Procedimento Comum - Cláusulas Abusivas - 24/04/2017 do TJSP

Processo 1003867-58.2017.8.26.0011 - Procedimento Comum - Cláusulas Abusivas - Ced - Centro de Ensino A Distância Ltda - Epp... FERREIRA (OAB 281928/SP) Fóruns Regionais e Distritais XI - Pinheiros Cível 1ª Vara Cível JUÍZO DE DIREITO DA 1ª VARA... CÍVEL JUIZ(A) DE DIREITO RÉGIS RODRIGUES BONVICINO ESCRIVÃ(O) JUDICIAL...

Leticia Silva

Leticia Silva -

A incongruência do capítulo VIII do código de ética da OAB sob a nova conjuntura social
A incongruência do capítulo VIII do código de ética da OAB sob a nova conjuntura social

O direito surge como modo de organização estatal. Assim, como toda estrutura organizacional existe direitos e deveres que devem ser cumpridos. No início, a moral era utilizada como...

Branding como diferencial para captar clientes na advocacia
Branding como diferencial para captar clientes na advocacia

Fazer o gerenciamento da sua marca pessoal é determinante para estabelecer um vínculo de confiança com os clientes e parceiros estratégicos do escritório. Isso garante um diferenci...

Exercício da Advocacia

Mandato Judicial O Mandato Judicial consiste em um contrato pelo qual o outorgante (cliente) nomeia e constitui o outorgado (advogado) para representá-lo judicial ou extrajudicialmente, sendo que não

Protocolo de entrega de documentos: você PRECISA requisitar ao seu cliente! (com modelo)
Protocolo de entrega de documentos: você PRECISA requisitar ao seu cliente! (com modelo)

Vamos evitar um processo ético disciplinar perante a OAB? Veja porque você precisa requisitar assinatura de um protocolo de entrega de documentos ao seu cliente. Sumário Advogado p...

Gerencie e conquiste clientes por meio de um software jurídico
Gerencie e conquiste clientes por meio de um software jurídico

A aquisição de um software jurídico  é uma das principais tendências na área jurídica. As bancas que adotam a tecnologia para automatizar as tarefas operacionais do escritório alca...

Resultados da busca Jusbrasil para "Código de Ética e Disciplina da OAB"

STJ - RECURSO ESPECIAL REsp 705269 SP 2004/0166580-2 (STJ)

Data de publicação: 05/05/2008

Ementa: PROCESSO CIVIL. PROCEDIMENTO SUMÁRIO. AUDIÊNCIA DE CONCILIAÇÃO E JULGAMENTO. COMPARECIMENTO PESSOAL DO AUTOR. COISA JULGADA. EXTINÇÃO DO PROCESSO. IMPOSSIBILIDADE. REALIZAÇÃO DE NOVA AUDIÊNCIA. ART. 23 DO CÓDIGO DE ÉTICA E DISCIPLINA DA OAB. INAPLICABILIDADE. 1. A teor do disposto no art. 277 , § 3º , do CPC , na audiência de conciliação e julgamento promovida no procedimento sumário, a parte autora não necessita comparecer pessoalmente, sendo bastante a presença de seu advogado dotado de poderes expressos para transigir. 2. Em respeito ao postulado do respeito à coisa julgado, não mais pode ser revista no julgamento da apelação a matéria decidida pelo Tribunal a quo em sede de agravo de instrumento. 3. As disposições inscritas no art. 38 do CPC , com a redação dada pela Lei nº 8.952 /1994, não exigem o reconhecimento da firma do outorgante na hipótese de concessão poderes gerais ou especiais para o foro. Precedentes. 4. Em não havendo o comparecimento pessoal do autor na audiência de conciliação no procedimento sumário, deve o magistrado, ao invés de extinguir o feito, determinar a realização de nova audiência com base no disposto no art. 331 , §§ 1º e 2º , do CPC . 5. As disposições inscritas no art. 23 do Código de Ética e Disciplina da OAB – regulamento destinado a firmar as normas de conduta dos advogados, sobretudo no âmbito no âmbito administrativo da OAB –, não tem o condão de afastar a possibilidade prevista na legislação processual civil de regência ( CPC , art. 267 , § 3º , do CPC ) de autor fazer-se representar pelo seu patrono. 6. Recurso parcialmente conhecido e provido

STJ - RECURSO ESPECIAL REsp 705269 SP 2004/0166580-2 (STJ)

Data de publicação: 05/05/2008

Ementa: PROCESSO CIVIL. PROCEDIMENTO SUMÁRIO. AUDIÊNCIA DE CONCILIAÇÃO E JULGAMENTO. COMPARECIMENTO PESSOAL DO AUTOR. COISA JULGADA. EXTINÇÃO DO PROCESSO. IMPOSSIBILIDADE. REALIZAÇÃO DE NOVA AUDIÊNCIA. ART. 23 DO CÓDIGO DE ÉTICA E DISCIPLINA DA OAB. INAPLICABILIDADE. 1. A teor do disposto no art. 277 , § 3º , do CPC , na audiência de conciliação e julgamento promovida no procedimento sumário, a parte autora não necessita comparecer pessoalmente, sendo bastante a presença de seu advogado dotado de poderes expressos para transigir. 2. Em respeito ao postulado do respeito à coisa julgado, não mais pode ser revista no julgamento da apelação a matéria decidida pelo Tribunal a quo em sede de agravo de instrumento. 3. As disposições inscritas no art. 38 do CPC , com a redação dada pela Lei nº 8.952 /1994, não exigem o reconhecimento da firma do outorgante na hipótese de concessão poderes gerais ou especiais para o foro. Precedentes. 4. Em não havendo o comparecimento pessoal do autor na audiência de conciliação no procedimento sumário, deve o magistrado, ao invés de extinguir o feito, determinar a realização de nova audiência com base no disposto no art. 331 , §§ 1º e 2º , do CPC . 5. As disposições inscritas no art. 23 do Código de Ética e Disciplina da OAB – regulamento destinado a firmar as normas de conduta dos advogados, sobretudo no âmbito no âmbito administrativo da OAB –, não tem o condão de afastar a possibilidade prevista na legislação processual civil de regência ( CPC , art. 267 , § 3º , do CPC ) de autor fazer-se representar pelo seu patrono. 6. Recurso parcialmente conhecido e provido.

Encontrado em: CET:****** ANO:1995 ART :00023 CÓDIGO DE ÉTICA E DISCIPLINA DA OAB LJE-95 LEG:FED LEI: 009099... ED ., FLORIANÓPOLIS, OAB/SC, 2006, P. 213.. SÉRGIO SAHIONE FADEL CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL COMENTADO,... DE 1973 LEG:FED LEI: 008952 ANO:1994 CEDA-95 LEG:FED CET:****** ANO:1995 ART :00023 CÓDIGO DE ÉTICA...

TJ-RS - Recurso Cível 71003234788 RS (TJ-RS)

Data de publicação: 14/05/2012

Ementa: AÇÃO DE RESSARCIMENTO. AUSÊNCIA DE CONTRATO ESCRITO RELATIVO A HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS. DESATENDIMENTO DO CÓDIGO DE ÉTICA E DISCIPLINA DA OAB . IMPOSSIBILIDADE DE RETENÇÃO DE VALOR RECEBIDO POR MEIO DE ALVARÁ JUDICIAL, PERTENCENTE À PARTE. DEVIDA A RESTITUIÇÃO. NECESSIDADE DE ARBITRAMENTO DE HONORÁRIOS EM AÇÃO PRÓPRIA NO JUÍZO COMUM. INCOMPETÊNCIA DO JUIZADO. NECESSIDADE DE PROVA PERICIAL. RECUSO IMPROVIDO. (Recurso Cível Nº 71003234788, Segunda Turma Recursal Cível, Turmas Recursais, Relator: Alexandre de Souza Costa Pacheco, Julgado em 09/05/2012)

×