Artigo 917 da Lei nº 13.105 de 16 de Março de 2015

Lei nº 13.105 de 16 de Março de 2015

Art. 917. Nos embargos à execução, o executado poderá alegar:
I - inexequibilidade do título ou inexigibilidade da obrigação;
II - penhora incorreta ou avaliação errônea;
III - excesso de execução ou cumulação indevida de execuções;
IV - retenção por benfeitorias necessárias ou úteis, nos casos de execução para entrega de coisa certa;
V - incompetência absoluta ou relativa do juízo da execução;
VI - qualquer matéria que lhe seria lícito deduzir como defesa em processo de conhecimento.
§ 1º A incorreção da penhora ou da avaliação poderá ser impugnada por simples petição, no prazo de 15 (quinze) dias, contado da ciência do ato.
§ 2º Há excesso de execução quando:
I - o exequente pleiteia quantia superior à do título;
II - ela recai sobre coisa diversa daquela declarada no título;
III - ela se processa de modo diferente do que foi determinado no título;
IV - o exequente, sem cumprir a prestação que lhe corresponde, exige o adimplemento da prestação do executado;
V - o exequente não prova que a condição se realizou.
§ 3º Quando alegar que o exequente, em excesso de execução, pleiteia quantia superior à do título, o embargante declarará na petição inicial o valor que entende correto, apresentando demonstrativo discriminado e atualizado de seu cálculo.
§ 4º Não apontado o valor correto ou não apresentado o demonstrativo, os embargos à execução:
I - serão liminarmente rejeitados, sem resolução de mérito, se o excesso de execução for o seu único fundamento;
II - serão processados, se houver outro fundamento, mas o juiz não examinará a alegação de excesso de execução.
§ 5º Nos embargos de retenção por benfeitorias, o exequente poderá requerer a compensação de seu valor com o dos frutos ou dos danos considerados devidos pelo executado, cumprindo ao juiz, para a apuração dos respectivos valores, nomear perito, observando-se, então, o art. 464 .
§ 6º O exequente poderá a qualquer tempo ser imitido na posse da coisa, prestando caução ou depositando o valor devido pelas benfeitorias ou resultante da compensação.
§ 7º A arguição de impedimento e suspeição observará o disposto nos arts. 146 e 148 .

Como derrubar dívida condominial

Todo aquele que reside em uma casa ou apartamento – integrante de condomínio – é obrigado a pagar as despesas de rateio entre os moradores (art. 1.315, CC); caso não o faça, será acionado em ação de…
1
0

A Competência Judicial na Liberação de Ativos Financeiros em Execuções: Análise do AgInt no AREsp 2.220.880-RS

Tiago Coelho Gonçalves OAB/GO nº 72.183, Advogado Especialista em Direito Tributário, Penal Tributário, Empresarial, Agronegócio e Imobiliário, tiagocoelhogoncalves@yahoo.com.br Área do Direito:…
1
0

O ônus da prova e a Teoria da Verossimilhancia Preponderante

O ÔNUS PROBATÓRIO E A TEORIA DA VEROSSIMILHANÇA PREPONDERANTE. THE BURDEN OF PROBATION AND THE PREPONDERANT LIKELIHOOD THEORY. Luiz Fernando Valladão Nogueira [1] Resumo. A pretensão do presente…
1
0
Ricardo Minotto, Advogado
há 2 meses

Efeito Suspensivo em Embargos à Execução Fiscal e o CPC de 2015

RESUMO A presente pesquisa aborda o tema Efeito Suspensivo em Embargos à Execução Fiscal, a partir do CPC/2015, considerando a jurisprudência sedimentada em observância à Lei de Execuções Fiscais e…
2
0

Título Executivo Extrajudicial

O que é a Execução de Título Executivo Extrajudicial: A Ação de Execução de Título Extrajudicial é o meio pelo qual se busca efetivar um crédito já estabelecido por um título extrajudicial. Não é…
1
0

Impenhorabilidade da pequena propriedade rural

Servidora Pública. Palestrante, Escritora e Coordenadora de livros em direito agrário e agronegócio. Pós-Graduanda em Direito do Agronegócio (IDCC). Especialista em Direito Aplicado (EMAP).
1
0

Efeitos da convenção de arbitragem na execução de títulos executivos extrajudiciais

RESUMO A presente pesquisa propõe-se analisar os efeitos da existência de convenção de arbitragem no contrato inserido no contexto da execução de títulos executivos extrajudiciais. O problema é…
1
0

Cotas de fundo de investimento e penhora

COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO E PENHORA Rogério Tadeu Romano I – FUNDOS DE INVESTIMENTO COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO Rogério Tadeu Romano Consideram-se como espécie de valores mobiliários as…
3
1

Impenhorabilidade Da Pequena Propriedade Rural

INTRODUÇÃO As pequenas propriedades rurais no Brasil são as responsáveis pela maior parte de produção de alimentos da cesta básica, também movimentam a economia local e asseguram renda para a…
8
0
João Maranhão, Estudante de Direito
há 2 anos

Defesa do Executado – CPC/2015 (Código de Processo Civil de 2015)

1 INTRODUÇÃO O presente trabalho busca abordar sobre a defesa do executado, conteúdo este que consta no ordenamento jurídico brasileiro, especificamente no CPC/2015 (Código de Processo Civil). Todo…
2
0