Carregando...
Jusbrasil - Tópicos
22 de outubro de 2017
Tipicidade Penal Editar Foto
×

Alterar Imagem

Envie uma imagem

Tipicidade Penal Editar

Cancelar
Tipicidade

É típico o fato que se enquadra perfeitamente na descrição legal de um crime; é a reunião de todos os elementos de um crime. É a concretização daquele fato abstratamente descrito como criminoso pela lei.

Tipicidade - Código Penal (CP)

A tipicidade é o resultado da união do fato ao tipo, aonde ambos se amoldam perfeitamente. O nexo de causalidade se caracteriza pela conduta + resultado. Se este nexo de causalidade for rompido,

EBRADI

EBRADI -

Quais as hipóteses de afastamento da tipicidade material?

Para a teoria bipartida, o crime é o fato humano típico e ilícito (antijurídico), uma vez que a culpabilidade consistiria em pressuposto da pena, enquanto a periculosidade seria pressuposto da medida

O que é o furto de uso? Essa conduta é típica?

É comum ouvir a expressão de que "roubar para usar" não é crime. Contudo, o correto é que na verdade o crime de Furto , do artigo 155 do Código Penal , não resta configurado quando é praticado apenas

Você sabe qual é a diferença entre dolo eventual e culpa consciente?
Você sabe qual é a diferença entre dolo eventual e culpa consciente?

O dolo eventual e a culpa consciente são dois institutos do Direito Penal que são extremamente parecidos, mas que possuem efeitos práticos distintos. Ambos ocorrem no momento em qu...

Elder Fogaça

Elder Fogaça -

A (a)tipicidade da conduta de portar granada de gás pimenta ou gás lacrimogêno
A (a)tipicidade da conduta de portar granada de gás pimenta ou gás lacrimogêno

Caso você fosse indagado acerca da adequação típica da conduta de portar granada de gás pimenta ou lacrimogêneo, provavelmente o primeiro diploma legal que lhe viria à mente seria ...

A política de criminalização excessiva e relação com as cifras negras da criminalidade

RESUMO: O artigo adiante confronta a política de criminalização excessiva a qual o Brasil tem enfrentando desde os anos 90 com a edição da lei dos crimes hediondos com as estatísticas criminais,

EBRADI

EBRADI -

No que consiste o crime de Falsidade Ideológica? Veja aqui alguns exemplos muito comuns
No que consiste o crime de Falsidade Ideológica? Veja aqui alguns exemplos muito comuns

Conforme escrito na imagem acima, Falsidade ideológica é um tipo de fraude criminosa que consiste na adulteração de documento, público ou particular, com o intuito de obter vantage...

Teoria Geral do Crime

· Teoria Geral do Delito/Crime 1. Sistema de Classificação das Infrações Penais - Tricotômico Crime, delito e contravenção. É adotado em países como Alemanha, Franca e Rússia. - Dicotômico Crime e

Andamento do Processo n. 0001608-11.2013.8.02.0078 - Crimes de Calúnia, Injúria e Difamação - 01/12/2016 do TJAL

ADV: GERALDO PIMENTEL DE LIMA, SUELLEN DA ENCARNAÇÃO MISSIAS, EDIVALDO BANDEIRA RIOS, ALINE RÊGO LIMA - Processo 0001608-11.2013.8.02.0078 - Crimes de Calúnia, Injúria e Difamação de Competência do

Resultados da busca Jusbrasil para "Tipicidade Penal"

Tipicidade penal

De acordo com a moderna doutrina, a tipicidade penal é composta pela tipicidade legal (adequação do fato à norma penal) e pela tipicidade conglobante.

Definição • Jb • 16/04/2009

STF - RECURSO ORDINÁRIO EM HABEAS CORPUS RHC 107264 DF (STF)

Data de publicação: 06/12/2011

Ementa: RECURSO ORDINÁRIO EM “HABEAS CORPUS” - PRINCÍPIO DA INSIGNIFICÂNCIA - IDENTIFICAÇÃO DOS VETORES CUJA PRESENÇA LEGITIMA O RECONHECIMENTO DESSE POSTULADO DE POLÍTICA CRIMINAL - CONSEQÜENTE DESCARACTERIZAÇÃO DA TIPICIDADE PENAL EM SEU ASPECTO MATERIAL - DELITO DE FURTO SIMPLES, EM SUA MODALIDADE TENTADA ( CP , ART. 155 , “CAPUT”, C/C O ART. 14 , II )- “RES FURTIVAE” NO VALOR (ÍNFIMO) DE R$ 166,59 - DOUTRINA - CONSIDERAÇÕES EM TORNO DA JURISPRUDÊNCIA DO STF - RECURSO ORDINÁRIO PROVIDO. O PRINCÍPIO DA INSIGNIFICÂNCIA QUALIFICA-SE COMO FATOR DE DESCARACTERIZAÇÃO MATERIAL DA TIPICIDADE PENAL . - O princípio da insignificância - que deve ser analisado em conexão com os postulados da fragmentariedade e da intervenção mínima do Estado em matéria penal - tem o sentido de excluir ou de afastar a própria tipicidade penal, examinada na perspectiva de seu caráter material. Doutrina. Tal postulado - que considera necessária, na aferição do relevo material da tipicidade penal, a presença de certos vetores, tais como (a) a mínima ofensividade da conduta do agente, (b) a nenhuma periculosidade social da ação, (c) o reduzidíssimo grau de reprovabilidade do comportamento e (d) a inexpressividade da lesão jurídica provocada - apoiou-se, em seu processo de formulação teórica, no reconhecimento de que o caráter subsidiário do sistema penal reclama e impõe, em função dos próprios objetivos por ele visados, a intervenção mínima do Poder Público. O POSTULADO DA INSIGNIFICÂNCIA E A FUNÇÃO DO DIREITO PENAL: “DE MINIMIS, NON CURAT PRAETOR” . - O sistema jurídico há de considerar a relevantíssima circunstância de que a privação da liberdade e a restrição de direitos do indivíduo somente se justificam quando estritamente necessárias à própria proteção das pessoas, da sociedade e de outros bens jurídicos que lhes sejam essenciais, notadamente naqueles casos em que os valores penalmente tutelados se exponham a dano, efetivo ou potencial, impregnado de significativa lesividade....

Encontrado em: da condenação penal imposta, à ora paciente, nos autos da Apelação Criminal nº 70034286906, julgada... a extinção definitiva do procedimento penal instaurado contra a ora paciente (Processo-crime nº

STF - HABEAS CORPUS HC 106510 MG (STF)

Data de publicação: 10/06/2011

Ementa: PRINCÍPIO DA INSIGNIFICÂNCIA - IDENTIFICAÇÃO DOS VETORES CUJA PRESENÇA LEGITIMA O RECONHECIMENTO DESSE POSTULADO DE POLÍTICA CRIMINAL - CONSEQÜENTE DESCARACTERIZAÇÃO DA TIPICIDADE PENAL EM SEU ASPECTO MATERIAL - DELITO DE FURTO SIMPLES, EM SUA MODALIDADE TENTADA ( CP , ART. 155 , “CAPUT”, C/C O ART. 14 , II )– “RES FURTIVA” NO VALOR (ÍNFIMO) DE R$ 70,00 – DOUTRINA - CONSIDERAÇÕES EM TORNO DA JURISPRUDÊNCIA DO STF – “HABEAS CORPUS” DEFERIDO. O PRINCÍPIO DA INSIGNIFICÂNCIA QUALIFICA-SE COMO FATOR DE DESCARACTERIZAÇÃO MATERIAL DA TIPICIDADE PENAL . - O princípio da insignificância – que deve ser analisado em conexão com os postulados da fragmentariedade e da intervenção mínima do Estado em matéria penal - tem o sentido de excluir ou de afastar a própria tipicidade penal, examinada na perspectiva de seu caráter material. Doutrina. Tal postulado – que considera necessária, na aferição do relevo material da tipicidade penal, a presença de certos vetores, tais como (a) a mínima ofensividade da conduta do agente, (b) a nenhuma periculosidade social da ação, (c) o reduzidíssimo grau de reprovabilidade do comportamento e (d) a inexpressividade da lesão jurídica provocada - apoiou-se, em seu processo de formulação teórica, no reconhecimento de que o caráter subsidiário do sistema penal reclama e impõe, em função dos próprios objetivos por ele visados, a intervenção mínima do Poder Público. O POSTULADO DA INSIGNIFICÂNCIA E A FUNÇÃO DO DIREITO PENAL: “DE MINIMIS, NON CURAT PRAETOR” . - O sistema jurídico há de considerar a relevantíssima circunstância de que a privação da liberdade e a restrição de direitos do indivíduo somente se justificam quando estritamente necessárias à própria proteção das pessoas, da sociedade e de outros bens jurídicos que lhes sejam essenciais, notadamente naqueles casos em que os valores penalmente tutelados se exponham a dano, efetivo ou potencial, impregnado de significativa lesividade....

×